Ghost

2Pac

exibições 20.798

Ghost

[tupac - speaking]
The only way, for me to come back, is by makaveli
That's it! all these motherf**kers stole from me
I'm takin back what's mine

[slowed down voice]
[laughing] you motherf**kers can't stop me
Even if i die, i'm gon' be a f**kin problem
Do you believe in ghosts, motherf**ker?
Real live black... ghosts
Feel me?

[verse one: 2pac]
Some say i'm crazy, these punk-ass cops can't fade me
Mama tried to raise me, but had too many babies
Papa was a motherf**kin, joke
Used to find dope in his coat
And nearly choked when he'd tell me not to smoke
Daaamn, don't get me started
My mama smoked so god damn much
When she was pregnant i'm surprised i ain't retarded
At night i can't sleep, can't peep
As they pass through the glass of my neighbors five deep
Starin at the wall, heard a scream
Wake up in the mornin
See the blood in the hall from the murder scene
Don't cry, just ask why, and try not to die
As i take you through a ghetto nigga's lullabye
On the corner, where the niggaz slang they crack
And the undercovers jack those that don't watch they back
(five-oh!) i daydream about the dope world
Take a puff from the blunt and watch the smoke swirl
My mausberg goes boom, what's another plug
Snatchin drugs, pumpin slugs in these other thugs
(give it up nigga) don't run out of breath
Every step could be death 'til you blast
And be the last nigga left, then i'll be ghost

[chorus: 2pac]
Don't cry, just ask why, and try not to die
As i take you through a ghetto nigga's lullabye
Don't cry, just ask why, and try not to die
As i take you through a ghetto nigga's lullabye

[verse two: 2pac]
A seven-deuce full of niggaz goes by
Thought i was trippin the second time they rolled, by
Recognized the plates, the faces looked familiar
Everybody swear they know the nigga that's gonna, kill ya
Don't murder me murder me, killa a nigga in his sleep
Let me die as i rest in peace, deep
Back to these niggaz in the seven-deuce
A mac-10 out the window bout to let it loose, what could i do?
Run for cover and return fire
Die motherf**kin die, hope yo' ass fry, don't ask why
But i let off everything i have
An empty clip, hit the ground as a nigga dash
On my ass was the motherf**kin cops now
Barely breathin tryin to keep from gettin shot down
Boo-yaow is the sound, bullet whizzed by
Still runnin like a nigga got nine lives
Don't know why but i'm runnin to my f**kin block
Took a shot, tired of runnin from the niggaz and the cops
Time to be a ghost
(hey man, come the f**k on!)
And then we'll be ghost

[chorus]

[tupac - speaking]
F**k the police nigga! [laughing]

Fantasma

[2Pac - falando]
A única maneira pra mim, de voltar, é como Makaveli
Sou eu! Tudo que esses filhos da puta roubaram de mim
Estou pegando de volta o que é meu

[Abrandou a voz]
[Risada] vocês não podem me parar
Até se eu morrer, serei um problema do caralho
Você acredita em fantasmas, filho da puta?
De verdade, fantasmas... negros
Me tema

[Verso 1: 2Pac]
Alguns dizem que sou maluco, esses policias otários não conseguem me apagar
Minha mãe tentou me criar, mas teve muitos filhos
Meu pai era uma piada do caralho
Costumava achar drogas no seu casaco
E quase engasgou quando me disse para não fumar
Droooga, nem começa
Minha mãe fumou pra caramba
Quando estava grávida fico surpreso que não sou retardado
De noite não consigo dormir,tá ligado
Eles entrando pelas janelas do meu vizinho, sorrateiramente
Olhando pra parede, ouvi um grito
Acordo de manhã
Vejo o sangue no corredor do local do assassinato
Não chore, apenas pergunte por que, e tente não morrer
Enquanto eu te levo através de uma canção de um negro do gueto
Na esquina onde os manos vendiam crack
E os policiais disfarçados, aqueles que não ficam alertas
(Cinco-oh!) Eu sonho acordado, pensando no mundo das drogas
Dou um trago no baseado e observo a fumaça se esvair
Minha Mossberg faz *boom* uma vez em outro inútil
Atrás de drogas, transformando otários nesses thugs
(Desista, negão) não fique sem fôlego, qualquer passo pode ser a morte
Até eu atirar e ser o último negão que sobrou
Aí serei um fanstama

[Refrão: 2Pac]
Não chore, apenas pergunte por que e tente não morrer
Enquanto eu te levo através de uma canção de um negro do gueto
Não chore, apenas pergunte por que e tente não morrer
Enquanto eu te levo através de uma canção de um negro do gueto

[Verso 2: 2Pac]
Um carro cheio de manos passou
Pensei estar viajando, da segunda vez que eles passaram
Reconheci o lugar, os rostos eram familiares
Mas todos juravam que era aquele mano que ia, te matar
Não me mate, me mate, mate um mano dormindo
Me deixe morrer, enquanto eu descanso em paz, profundo
De volta à aqueles manos no carro
Uma Mac 10 pra fora da janela, prestes a atirar, o que poderia fazer?
Correr por proteção e atirar de volta
Morra filho da puta, morra, espero que você se foda, não pergunte por que
Mas abri de mão tudo o que eu tinha
Um pente vazio, acertou o chão, enquanto um mano fugia
Na minha cola agora, eram os filhos da puta dos policiais
Mal respirando, tentando escapar de levar um tiro
*Boo-cow* foi o som, as balas passavam
Ainda correndo como se o negão tivesse 9 vidas
Não sei porque, mas estou correndo de volta pra porra do meu bairro
Tomo um tiro, cansado de correr dos criolos e dos policiais
Hora de virar fantasma
(Ei cara, venha fuder!)
E então nós seremos fantasmas

[Refrão]

[2Pac - falando]
Foda-se a pilícia nego! [risada]

Composição: Márcio Faraco / Marshall Mathers / Tupac Shakur · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por ThiaGuiM_ViP, Traduzida por ThiaGuiM_ViP
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.
0 comentários
Terra Música feedback