Intimidade

Antônio Marcos

exibições 1.396

Nosso quarto, nossa cama,
Nossa febre, nossa chama...
Tudo é sensualidade!
Nosso abraço, nosso beijo,
Tão molhados de desejo,
Fazem nossa intimidade!
Você morde o travesseiro,
Me arranha por inteiro,
Me agarra, me domina,
Me beijando o céu da boca,
Me esfregando quase louca,
Com façanhas me fascina,
Me excitando do seu jeito,
Faz folia no meu peito,
Travessuras de menina!

E a gente ama loucamente,
Se pega, se entrega,
Se joga no ar
E cai da cama de repente,
Rolando, curtindo, brincando de amar...
E a gente ama loucamente,
Se pega, se entrega,
Se joga no ar
E cai da cama de repente,
Rolando, curtindo, brincando de amor...

Nosso quarto, nossa cama,
Nossa febre, nossa chama...
Tudo é sensualidade!
Nosso abraço, nosso beijo,
Tão molhados de desejo,
Fazem nossa intimidade!
Você morde o travesseiro,
Me arranha por inteiro,
Me agarra, me domina,
Me beijando o céu da boca,
Me esfregando quase louca,
Com façanhas me fascina,
Me excitando do seu jeito,
Faz folia no meu peito,
Travessuras de menina!

E a gente ama loucamente,
Se pega, se entrega,
Se joga no ar
E cai da cama de repente,
Rolando, curtindo, brincando de amar...

A gente ama (ama), ama (ama), ama (ama)!
E me ama (me ama),
A gente ama!
Hum...

Composição: Neno Meier - Célia Rocha - Eunice Barbosa · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Newton
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback