Country House

Blur

exibições 17.570

Country House

So the story begins
City dweller
Successful fella
Thought to himself:
"Oops, I've got a lot of money
Caught in a rat race
Terminally
I'm a professional cynic
But my heart's not in it
I'm paying the price of living life at the limit
Caught up in the century's anxiety"

Yes, it preys on him
He's getting thin
(Try the simple life)

He lives in a house
A very big house
In the country
Watching afternoon repeats
And the food he eats
In the country
He takes all manner of pills
And piles up analyst bills
In the country
Oh, it's like an animal farm
That's the rural charm
In the country

He's got morning glory and life's a different story
Everything's going Jackanory
Touched with his own mortality
He's reading Balzac, knocking back Prozac
It's a helping hand that makes you feel wonderfully bland
Oh, it's a century's remedy
For the faint at heart
A new start
(Try the simple life)

He lives in a house
A very big house
In the country
He's got a fog in his chest
So he needs a lot of rest
In the country
He doesn't drink, smoke, laugh
Takes herbal baths
In the country
You should come to no harm
On the animal farm
In the country

(Blow, blow me out, I am so sad, I don't know why)

Casa de campo

Então começa a história
Cidade rotineira
Cara bem-sucedido
Pensa para si mesmo:
"Opa, tenho muito dinheiro
Pego numa corrida de rato
Terminantemente
Sou um cínico profissional
Mas meu coração está nisso
Estou pagando o preço de viver no limite
Pego na ansiedade do século"

Sim, isso o ataca
Ele está emagrecendo
(Tente a vida simples)

Ele mora numa casa
Uma casa muito grande
No interior
Assistindo as tardes repetirem
E a comida que ele come
No interior
Ele tem todos os tipos de pílulas
E acumula as contas dos analistas
No interior
Ah, é como uma fazenda de animais
É o charme rural
No interior

Ele tem a glória da manhã e a vida é uma história diferente
Tudo está indo falsamente
Tocado com a sua própria mortalidade
Ele está lendo Balzac, batendo de volta a Prozac
É uma mão amiga que faz você se sentir maravilhosamente agradável
Ah, é o remédio do seculo
Para o coração desmaiar
Um novo começo
(Tente a vida simples)

Ele mora numa casa
Uma casa muito grande
No interior
Ele tem neblina em seu peito
Por isso precisa de muito descanso
No interior
Ele não bebe, fuma, ri
Toma banho de ervas
No interior
Você deve chegar a nenhum dano
Numa fazenda de animal
No interior

(Me sopre, me sopre. Estou tão triste, não sei porque)

Terra Música feedback