Na Atividade (part. MC Guime)

Bonde da Stronda

exibições 230.277

Mc Guimé:
Então vai segurando, moleque!
Mc Guimê, Dennis Dj, Bonde da Stronda, rá!
Na atividade!

Nem maior, nem melhor

Tamo aí na atividade, e eu cheguei pra sacudir
RJ e SP, Bonde da Stronda e Guimê MC
A cada dia que passa melhor, mais embaçado
Somos o amor delas e o terror dos recalcados

Eles ficam atacados, começam a reclamar
Porque o bonde chega e sai bem de qualquer lugar
Elas gostam de nós, adora nossa voz
Investe nas ideias porque tem lucro após

O nosso foco é uma fita, fica essa dica pra tu tá ligado
Então não desacredita, o que for pra ser meu já tá reservado
Por Deus sou abençoado, os de verdade estão do meu lado
Mau olhado não arruma nada, contra a inveja eu sou vacinado

Bonde da Stronda:
Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos, de mim cê não tira um real

Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos, de mim cê não tira um real

De novo na pista, mandando, chegando, bolando qualquer caozada
Fechado com os manos, muleque insanos, portando meus panos, marca registrada
Mandei avisar, mandei, mandei neguin se por no seu lugar
Que a gente tá brabo, o bonde tá bolado, passando de carro na pista pra strondar

Tamo na rua, tamo, tamo no morro também
Nas festas pica e nas humildes tamos sempre com alguém
Desmerecemos ninguém, pra gente tá tudo bem
Mas não vem botar uma marra que nós manda pro além

Big Bang tudo começou de novo assim
Virado, chapado, vidrado naquela que desce olhando só pra mim
A noite não tem fim, muito menos minhas ideias loucas sérias
Sem miséria, agradando feias e belas

Quero elas pra mim, mas quero só uma também
Se fosse fácil assim, era você o meu bem
Mas hoje tá meio facin, quando elas vão pra zuera
Confundem ficar afim, com o que é ser solteira

Eu quero mais, traz a taça de Chandon pra nós
Faz o que você quiser quando nós tamo a sós
Paz pro nosso role, que a nossa vida é louca
É louca como as mina que tiram no palco a roupa

Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos de mim ce não tira um real

Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos, de mim cê não tira um real

E eu vou mostrar pra eles agora quem sou
Playboyzada alienada nunca me representou
E nunca vai representar porque eu sou correria
Então falem o que quiser, e vivam sua hipocrisia

Cansei de ver gente criando corrente, mudando suas mente, pra pior
Enquanto eu falo, cê nem tá ligado, mas tem pela saco que dá nó
Na nossa cabeça a gente nem percebe a farra
Então não esquece quem é foda, quem faz, não só quem fala

Eu faço o meu role virar o melhor do mundo
Se meus mano tão aí, fechou role de vagabundo
Traz as peças, as bebidas, as amiga, traz o meu malote
Dinheiro é lindo quando limpo de trabalho e sorte

Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos de mim cê não tira um real

Tamo aí na atividade, pronto pro que vier
Nós é pista, nós é rua, malandragem e mulher
Negozin vai falar mal, comigo vão passar mal
Fechadão com meus manos de mim cê não tira um real

Mc Guimê, Bonde da Stronda

Composição: Diego Raphael Villanueva e MC Guime · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por O Lado Certo Da Vida Certa, Legendado por Caue, Vitor e mais 1
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback