Letras de músicas - Letras.mus.br

Te Trollando

Brancoala

Mesmo que você saia do banho sem toalha
Mesmo que você opere sua cara
Olha eu vou ser franco, contigo nem no tranco
Você é meio assim, sem graça

Mesmo que você tente se maquiar
Mesmo que o cabelo você tennte alisar
Depois de 6 vezes passando a chapinha
Paresse um bombril, sei lá

Mesmo que eu tome um litro de cachaça
Meu Deus eu não consigo encarar essa desgraça
Dez, vinte, trinta doses
Se eu beijar tua boca eu pego virose
Você não é feia, sua beleza é rara
Te tacaram fogo e apagaram na paulada
Você é um dragão parece uma baranga
Quando você nasceu era o cão chupando manga

Eu vou estar te trollando até que esteja uma véia, gagá
De bengala, zaroia banguela
Eu vou te trollar
Vou olhar pra tua cara vou rir não vou aguentar
Nem que seja acusado de bullyng
Eu vou estar te trollando

Mesmo que você saia do banho sem toalha
Mesmo que você opere sua cara
Olha eu vou ser franco, contigo nem no tranco
Você é meio assim, sem graça

Mesmo que você tente se maquiar
Mesmo que o cabelo você tennte alisar
Depois de 6 vezes passando a chapinha
Paresse um bombril, sei lá

Mesmo que eu tome um litro de cachaça
Meu Deus eu não consigo encarar essa desgraça
Dez, vinte, trinta doses
Se eu beijar tua boca eu pego virose
Você não é feia, sua beleza é rara
Te tacaram fogo e apagaram na paulada
Você é um dragão parece uma baranga
Quando você nasceu era o cão chupando manga

Eu vou estar te trollando até que esteja uma véia, gagá
De bengala, zaroia banguela
Eu vou te trollar
Vou olhar pra tua cara vou rir não vou aguentar
Nem que seja acusado de bullyng
Eu vou estar te trollando

Composição: Brancoala (You Tube) · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Mariana
3.673 exibições
Ver mais fotos

Comentários


Quem curte?
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais