Blown Away

Carrie Underwood

exibições 73.114

Blown Away

Dry lightning cracks across the skies
Those storm clouds gather in her eyes
Her daddy was mean old mister
Mamma was an angel in the ground
The weatherman called for a twister
She prayed blow it down

There’s not enough rain in oklahoma
To wash the sins out of that house
There’s not enough wind in oklahoma
To rip the nails out of the past

Shatter every window
'Til it's all blown away
Every brick, every board,
Every slamming door, blown away
'Til there's nothing left standing,
Nothing left of yesterday
Every tear-soaked whiskey memory blown away
Blown away
Blown away

She heard those sirens screaming out
Her daddy laid there passed out on the couch
She locked herself in the cellar
Listened to the screaming of the wind
Some people called it taking shelter
She called it sweet revenge

Shatter every window
'Til it's all blown away
Every brick, every board
Every slamming door, blown away
'Til there's nothing left standing
Nothing left of yesterday
Every tear-soaked whiskey memory blown away
Blown away

There’s not enough rain in oklahoma
To wash the sins out of that house
There’s not enough wind in Oklahoma
To rip the nails out of the past

Shatter every window
'Til it's all blown away
Every brick, every board
Every slamming door, blown away
'Til there's nothing left standing
Nothing left of yesterday
Every tear-soaked whiskey memory blown away
Blown away

Blown away
Blown away
Blown away
Blown away

Levada Pelo Vento

Relâmpagos estalam através dos céus
Aquelas nuvens tempestuosas se acumulam nos olhos dela
Seu pai era um senhor de idade malvado
Mamãe foi um anjo na terra
O homem do tempo previu um tornado
Ela rezou para ele derrubar tudo

Não há chuva suficiente em oklahoma
Para lavar os pecados daquela casa.
Não há vento suficiente em oklahoma
Para arrancar os pregos do passado.

Quebre cada janela
Até que tudo seja levado pelo vento.
Cada tijolo, cada tábua,
Cada porta batendo seja levada pelo vento.
Até que não reste nada de pé,
Nada sobrando de ontem
Cada memória encharcada em lágrimas de uísque seja levada pelo vento
Levada pelo vento
Levada pelo vento

Ela ouviu aquela sirenes apitando
Seu pai estava lá deitado, desmaiado no sofá
Ela se trancou no porão
Ouviu os gritos do vento
Algumas pessoas chamam isso de se abrigar
Ela chamou de doce vingança

Quebre cada janela
Até que tudo seja levado pelo vento
Cada tijolo, cada tábua
Cada porta batendo seja levada pelo vento
Até que não reste nada de pé
Nada sobrando de ontem
Cada memória encharcada em lágrimas de uísque seja levada pelo vento
Levada pelo vento

Não há chuva suficiente em oklahoma
Para lavar os pecados daquela casa
Não há vento suficiente em Oklahoma
Para arrancar os pregos do passado

Quebre cada janela
Até que tudo seja levado pelo vento
Cada tijolo, cada tábua
Cada porta batendo seja levada pelo vento
Até que não reste nada de pé
Nada do passado
Cada memória encharcada em lágrimas de uísque seja levada pelo vento
Levada pelo vento

Levada pelo vento
Levada pelo vento
Levada pelo vento
Levada pelo vento

Composição: Chris Tompkins / Josh Kear · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Sérgio, Traduzida por aceberebeca, Legendado por nagli, samara1 e mais 1
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.
Terra Música
feedback