Da Alma De Dom Emílio

César Oliveira

Foi bem assim dês de cedo
E a filosofia é essa
Que bem mais taura é quem empeça
O dia com pé esquerdo
E entre manhas e segredos
O meu instinto vagueia
Minha alma troca "oreia"
Meu coração escramuça
Até parece que pulsa
Sangue crioulo em minhas veias

Vem das bibocas da historia
A causa que me aprofundo
Quando o mundo se fez mundo
Na ância demarcatória
Que perpetuou na memória
Deste meu povo caudilho
Coisas que de pai pra filho
Botam na forma o consolo
De que o rasto de um crioulo
É da alma de Dom Emílio

Assim no temblor das patas
Bagualas pátrias nasceram
E macharronas cresceram
Sendo aos crioulos "muy" gratas
Este é um nó que não desata
Por que em cada um se arranca
A força que pede chanca
Unindo no mesmo açoite
Sul e norte, dia e noite
Lua e sol, "Gato e Mancha"

E agora frente ao futuro
Sinto a mesma ansiedade
E não escondo a vaidade
Quando encilho o pelo duro
Num aparte não me apuro
Por que ele sabe o volteio
Pois se o boi me faz floreio
Um "buen criollo" dá o troco
Se arranca e por muito pouco
Não me tira dos arreios

Crioulo pingo campeiro
Que enche os olhos da gente
Na paletada é um valente
Sendo sereno e certeiro
Do ginete é um companheiro
Um do outro testemunho
Agarrados punho a punho
São Payador e Guitarra
Um ajoja o outro esbarra
E sobre patas um só redemoinho

Foram zainos e rostilhos
Virão picaços e mouros e busca do mesmo Ouro
Reluzindo o mesmo brilho
Marcando bem mais o trilho
Onde beleza é a função
Nos mostram a evolução
É a força que nos garante
Que o crioulo siga a diante
Sem perder a tradição

Composição: Rogerio Villagran e César Oliveira · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Robson
1.736 exibições
Ver mais fotos

Comentários


Quem curte?

  1. Os "Loco" Lá da Fronteira
  2. Pra Bailar de Cola Atada
  3. Com a Alma Presa na Espora
  4. Prego na Bota
  5. Lá Na Fronteira
  6. Paleteada
  7. Cabanha Toro Passo
  8. De Vida e Tempo
  9. A Uma Tropilha Veiaca
  10. Baile Gaúcho
  11. Milonga Maragata
  12. Pra O Índio Que Gineteia
  13. Romance do Mascarado
  14. Romance Dos Olhos Negros
  15. Roçando as "Viria"
  16. No Rumo de um Coração
  17. Crescente Macharrona
  18. O Que É Sagrado Pra Mim...
  19. Apaysanado
  20. Cavalinho de Pau
  21. Poema a Moça da Janela
  22. Retrato de Pampa e Invernada
  23. O campo
  24. Das Volteadas de Uma Estância
  25. Bastos, Potros e Guitarras
  26. A Cusco e Mangaço
  27. Num Posto, Num Fim de Mundo
  28. Nos Bailes do "Maragato"
  29. Erguendo a Pátria nos Tentos
  30. Depois da Lida
  31. Tropilhas e Ginetes
  32. Tranco de Fronteira
  33. Por Ela
  34. Gaúcha
  35. Na Presilha do Laço
  1. Na Hora do Amargo
  2. Por Um Abraço
  3. A Morte de Um Potro
  4. Alma de Fronteira
  5. Da Alma De Dom Emílio
  6. Na Solidão de Algum Posto
  7. Rosilho Maleva
  8. Dueto das Invernias
  9. Romanceiro de Estrada e Posto
  10. É Bem Assim...!
  11. Versos Para Uma Flor
  12. Imagens
  13. Coplas de um Tosador
  14. Lavando a Égua
  15. Na Boca da Noite
  16. No Rastro de Uma Milonga
  17. Santo Chão
  18. Sovando Amores e Penas
  19. Machaço Confronto
  20. No desdobrar das auroras
  21. Menos Que Deus e Mais do Que Um Homem
  22. Lâmpana
  23. Um milongão dos veiacos
  24. Tirando o Boi do Rodeio
  25. Ritual Crioulo pra um Domingo de Carreira
  26. Ao Presentear Um Cavalo
  27. Vida de Peão
  28. Sob As Mangas Do Aguaceiro
  29. Empurrando Tropa
  30. Na Boca do Brete
  31. Garreado
  32. Chasque Pra Dom Munhoz
  33. Depois de um tiro de laço
  34. Coplas Para Um Dia De Chuva
  35. Batendo Cangáia
  1. Na Forma
  2. Lamento Posteiro
  3. Ronda de Tropa
  4. Linguagem Pátria De Um Povo
  5. Campeiros
  6. O Domador e a Milonga
  7. Regalo
  8. Romaria dos Pirilampos
  9. Pequenos Fragmentos de Um Ritual de Campo
  10. Mas que baita gauchada
  11. Retoço sem freio
  12. Assim Sou Eu e Me Vou
  13. Esta Milonga que Canto
  14. Floreios
  15. De Estrela a Estrela
  16. Quando A Alma Abre As Porteiras
  17. A Boa Vista do Peão de Tropa
  18. Empeçando a lida!
  19. Uma Milonga das Buenas
  20. Desbocado e Sem Costeio
  21. Eu não Refugo Bolada
  22. O Sonho
  23. Hora do Sossego
  24. Das Coisas Simples da Gente
  25. De Quando um Malo se Bolca
  26. De São Borja ao Batoví
  27. Ao Trote
  28. Baia Sebruna
  29. Xucro Ofício
  30. De Campo e Alma
  31. Cantiga para o meu Chão
  32. Coplas de Andarengo
  33. Num Dia de Mormaço
  34. Chakay Manta
  35. Querência
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais