Arribada

Daniel

exibições 15.205

Quando a saudade no meu peito fez morada
Foi na arribada da paixão que desgarrou
Eu aboiei eu madrinhei estrada afora
E o berrante da tristeza repicou

Parei na sombra da incerteza e me deitei
Nas folhas secas que cairam sobre o chão
Alí peguei no sono e então sonhei com ela
E acordei com soluõ no coração

Ai... ai... ai..
Saudade é feito boiada que vem e vai
Ai meu bem
Saudade volta mas você não vem

Mato fechado busco o brilho de outro de olhar
Abro picadas, caminhos sem direção
E derepente vejo que todo caminho
Me leva sempre rumo ao seu coração

Hoje eu sou boiadeiro sem boiada
Montado na vontade de te encontrar
Amargando uma saudade eu vou vivendo
Buscando seu amor eu vivo a caminhar

Ai... ai... ai..
Saudade é feito boiada que vem e vai
Ai meu bem
Saudade volta mas você não vem

Ai... ai... ai..
Saudade é feito boiada que vem e vai
Ai meu bem
Saudade volta mas você não vem
Saudade volta mas você não vem

Terra Música
feedback