Et Si Tu N'existais Pas

Joe Dassin

exibições 83.462

Et Si Tu N'existais Pas

Et si tu n'existais pas
Dis-moi pourquoi j'existerais
Pour traîner dans un monde sans toi
Sans espoir et sans regret

Et si tu n'existais pas
J'essaierais d'inventer l'amour
Comme un peintre qui voit sous ses doigts
Naître les couleurs du jour
Et qui n'en revient pas

Et si tu n'existais pas
Dis-moi pour qui j'existerais
Des passantes endormies dans mes bras
Que je n'aimerais jamais

Et si tu n'existais pas
Je ne serais qu'un point de plus
Dans ce monde qui vient et qui va
Je me sentirais perdu
J'aurais besoin de toi

Et si tu n'existais pas
Dis-moi comment j'existerais
Je pourrais faire semblant d'être moi
Mais je ne serais pas vrai

Et si tu n'existais pas
Je crois que je l'aurais trouvé
Le secret de la vie, le pourquoi
Simplement pour te créer
Et pour te regarder

Et si tu n'existais pas
Dis-moi pourquoi j'existerais
Pour traîner dans un monde sans toi
Sans espoir et sans regret

Et si tu n'existais pas
J'essaierais d'inventer l'amour
Comme un peintre qui voit sous ses doigts
Naître les couleurs du jour
Et qui n'en revient pas

E Se Tu Não Existi-ses

E se você não existisse
Diga-me por que eu existiria?
Pra vagar num mundo sem você
Sem esperança e sem lembranças

E se você não existisse
Eu teria que inventar o amor
Como um pintor que vê sob seus dedos
Nascerem as cores de um dia
E que não voltam mais

E se você não existisse
Diga-me por quem eu existiria?
Estranhas adormecidas em meus braços
Que eu não amaria jamais

E se você não existisse
Eu seria somente um ponto a mais
Neste mundo que vem e que vai
Eu me sentiria perdido
Eu precisaria de você

E se você não existisse
Diga-me como eu existiria?
Eu poderia fingir ser eu
Mas eu não seria verdadeiro

E se você não existisse
Eu creio que eu não teria encontrado
O segredo da vida, o porque
Simplesmente para te criar
E por te olhar

E se você não existisse
Diga-me por que eu existiria?
Pra vagar num mundo sem você
Sem esperança e sem lembranças

E se você não existisse
Eu teria que inventar o amor
Como um pintor que vê sob seus dedos
Nascerem as cores de um dia
E que não voltam mais

Composição: Paroles et Musique: Pierre Delanoé, Claude Lemesle · Esse não é o compositor? Nos avise.
Traduzida por rezinho
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.
Terra Música
feedback