Letras de músicas - Letras.mus.br

Essa é pros amigos

De Leve

Essa é pros amigos
Que tão junto comigo aqui
Com ou sem dinheiro
Já que é de graça comer caqui
Não preciso de tênis
Não tenho o maior pênis
Nem quero, com fama eu também como a Luciana Gimenez
Não uso Nike no pé
Na camisa ou no boné
Sem Calvin Klein na cueca, nego me acha mané
Sem meia d'Adidas, sem camisa da Tommy
Sem bermuda da Champion, as interesseiras somem
Sem som do Timbaland no fone
Sem Timberland, sem telefone celular
Só as de celulite dizem qual seu nome
Sem carro, só de long
Só de totó e ping pong
Nego do rap me acha play e cresce igual King Kong
Odeio marca
E trânsito, ando de barca
Zuar clichê dá certo, marca
A maioria embarca
Não sei pra quê ser ricão
E ter que ficar com bicão
Mais três negão
Igual a Xuxa pra ter proteção
Já eu não
Tô de sandália
Só o meio o fio atrapalha
E o diskman quando o fio escangalha
No Rio encalha
Quem tenta fazer som maneiro
Ainda mais eu que pouco bebo
E se elas pedem nunca tenho isqueiro
É assim que funciona
Quando se relaciona
Dando dinheiro
De volta pra casa ela exige e pressiona
Tanto que vira costume igual
Eu com o comentário sobre o som que ouço
E o volume dizem que arde igual
Pedra-ume na afta
Dizem que é desigual
Igual nafta
Mas nem é quando o sentido real
Se capta
Roupa não te faz melhor, cê só se adapta
Lendo um livro por mês sua inteligência ninguém rapta
Mas ninguém tá afim, cansa
É melhor ligar a TV
Faz igual a mim, descansa
Seu futuro dá pra prever
Sábado à noite no quarto pá vê Cine Privé
Pavê na mão
Classificado no chão, como michê

Essa é pros amigos
Essa é pros amigos
Essa é pros amigos
Essa é pros amigos

Essa é pros amigos
Que tão junto comigo
Aqui
Sem Cherokee
Já que
Eu não sou a Kelly Key
E ninguém baba
Veem meu 1,70 e acaba
A curiosidade de diferenciar uva de jabuticaba
Nego do rap luta pra ser um melhor que o outro
Na neurose, ao invés de tomar pinga e mandar um boto
Não alimento o ego
Andando com um monte de prego
Que trata como ídolo, sei que não sou
Então
Eu nego
Qualquer participação
Em clipe sem cantar no som
Pra sua irmã ver mais de uma vez e de repente até achar bom
Nego se acha gênio
Quando rima e rouba um loop legal roubam é meu oxigênio
Quando ouço isso
Rio e passo mal
Eu sou escroto assumido
O cúmulo de tudo reunido
Trazendo ao ouvido o proibido
E nego fica ofendido
Proposital
Do bumbo à caixa ao ximbau
Sem jazz pra não ser igual
Ao underground nacional
Música é diversão
Zuação
Subversão
Ninguém põe a mão
Pra tocar em estação
Em outra versão
Nenhuma rádio quis antes
Fez igual foto na estante
Pra enfeitar no instante que alguém
Perguntar pelo meliante
Já acreditei em neguinho
Já me fizeram de trouxa
Já tratei com carinho
E saí com a cara roxa
Hoje chego de mansinho
Até pra pegar nas coxa
Amigo eu tenho pouquinho
Mas os que tem são... Poxa
Nego manda bem a vera
Gostam quando falo bem a vera
Mas ninguém espera
Que eu sacaneie
Quem fez algo comigo
Já que eu ainda aperto a mão dele
E acha que sou seu amigo
Mas

Essa é pros amigos
Essa é pros amigos
Essa é pros amigos
Essa é pros amigos

Composição: De Leve · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Kely
37.187 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais