Letras de músicas - Letras.mus.br

Destino do Réu

Dexter

- 161.445 arruma suas coisas ai que você vai de bonde..!

Fala de sofrimento me incomoda até umas hora
Eu queria ta falando de alegria pra quem chora
Dizer que a tempestade tá no fim vai passar
Que foi um desses sonhos que ninguém quer sonhar
12 horas de viagem truta é imbaçado
O sol rachando, estralando, o bonde lotado
Sem ar pra respirar sem água pra beber
Uma desumanidade que só vendo pra crer
Dormimos uma noite ali no Cdp de Bauru
No outro dia meio-dia seguimos pru lado Sul
Depois de Getulina, Álvaro, Pirajui...
Iaras o Destino do Réu, escuta ai..!
Já quase meia noite atracamos na penita
Te confesso ó irmão mó sensação esquisita
Me pergunto o que eu to fazendo aqui
Nesse lugar infeliz me diz porque aqui?
Eu tava em São Vicente tranquilo trabalhando
Ganhando remissão fazendo a minha, estudando
No entanto vai vendo só covardia é mato
O sistema te zoa sorrindo no mó barato
Mas firmão o que eu não posso é fraquejar
Seja onde for e como for é nóis que tá
Se Deus quis assim parceiro, assim será
O senhor é meu pastor e nada me faltará!
Se pá até tem uns conhecidos meus aqui

(-Pô muleque doido ai não me faça rir,
Aqui seu Rap é alimento prus irmãos
É água no deserto comida no lixão!
- Ahãn!...
Vários vagabundos vão gostar de te ver
De ouvir você rimar de te conhecer
- Pode crê!...
Vai por mim nada ta perdido
O soldado não morreu, apenas foi ferido!)

(Refrão:.2x)
Eu sou só mais um...
Fui mandado á frente de batalha
Esquivava do fio da navalha
Eu sou só mais um...
Tinha um sonho poder voltar pra casa
O sofrimento não passa, não passa!

Passei o final de semana na inclusão
Só de reflexão sem rádio sem televisão
Ouvindo histórias contadas por alguém
Monteiro Lobato na cadeia é oque mais tem.

(- Ai neguinho eu só fiz assalto de cinema
Não é pagando não mas aqui faz a cena
Já fiz até a Tobias de Aguiar voltar de ré
Pode pá que não da outra, eu sou eu já é!)

Vai saber!
Pra variar no guichê colo um bico ó
Meio receoso, cabrêro, esquisito
Curioso é triste existe em todo lugar
E pelo pique veio só manja, sei lá
Se pá nem compensa comenta
Cada um cada um ainda mais nesse lugar
Quem morre, quem mata, quem caça assunto
Quem corre, quem fica, quem assina o defunto?
Não sei, não vi, nem me interessa ver
Certas fita compromete só de saber
Uma par de calça azul querendo te arrasta
Outros nem tanto ta na fita pra somar
E na televisão quem leva a culpa ta de toca
Em dia de visita pega a fila e tira a roupa
Agacha levanta senta num banquinho
Jogam suas bolsas no chão de um quartinho qualquer
Cheirando a mofo sujo sem respeito nenhum
Revistam o jumbo com despeito, atitude comum
Não pode isso, não pode aquilo
Comida racionada não passa de 1 kilo
E a imprensa ainda diz que preso se alimenta bem
Que é só mordomias ás custas de alguém
Oque eu quero é voltar pra casa e viver em paz
Sofrer na prisão irmão nunca mais

(Refrão:.2x)
Eu sou só mais um...
Fui mandado á frente de batalha
Esquivava do fio da navalha
Eu sou só mais um...
Tinha um sonho poder voltar pra casa
O sofrimento não passa, não passa!

Iaras lugar de máxima segurança
Lugar que mata aos poucos sua esperança
Alguém porém um dia me disse

- Recomece negão quando estiver no limite
Assim que é e tem que ser parceiro não desanime
Seja honesto com si mesmo isso sim é ser o crime
Elimine tudo oque não te faz bem
Nessa luta sou mais você do que oque vem
Pense bem nego amanhã é outro dia
Transforme sua tristeza Dexter em alegria
Viva um dia por vez na pura calma
Sofrimento é crescimento purifica a alma
Persevere, ore se fortaleça no senhor
O ùnico digno de todo o louvor.

Me transportei para os palcos que eu já pisei
Onde falei de Malcon X, Mandéla e Chico Rei
Me senti renovado e decidido a vencer
Palavras ditas com amor te faz renascer
Se assim que tem que ser firmeza vamo ai
Se esse é o lugar já era eu tô aqui
De novo vou tirar uma foto de perfil

(-Já era ladrão pega suas coisa ai
E vamo descer pru coviu!)

Sai da inclusão e minutos depois
Com meus pertences em mãos cheguei no raio 2
Na gaiola fui bem recebido pelos manos
Antigos amigos parceiros de mili anos
(-Nossa negão que fita eim, quem diria você aqui)
Fazer oque jão a vida é assim
Mas ai vamo que vamo não adianta chorar
Pra frente é que se anda e o tempo vai passar
E passou ensinando mais um pouco pra mim
E se não foi por amor pela dor foi o fim
Presenciei vagabundo se acabando por mulher
A decepção é venenosa né
Um coitado visitado por ninguém abandonado
Amargando a solidão desorientado
Vi manos traçando planos refêns da ambição
Na corrida pelo ouro com disposição
Vi desespero e alegria entre cartas e fotos
E em meio á tudo isso eu conheci vários flor de lótus
Fabinho boy, Nenê, Sete sete, valzinho
Rubinho, Tifu, Fazendinha, betinho
Faca, fusca, Neriberto, Rael
Marcelo gregório e Daniel Maciel
Pessoas importantes pra mim amigos de fé
Sem palavras assim que é
Que Deus abençoe vocês grandemente
E que nossa amizade permaneça eternamente (-Amém!)
Agradecido pelas mãos estendidas
Precisou tamo junto na mesma medida
Mas oque eu quero é voltar pra casa e viver em paz
Sofrer na prisão irmãos nunca mais

(Refrão:.2x)
Eu fui só mais um...
Não desisti da luta, eu encontrei a cura,
Eu fui só mais um...
E só venci pelo amor...
Eu fui só mais um...
Meu Deus me fez mais forte,
Não dependi de sorte,
Eu fui só mais um...
E agradeço ao meu senhor...

- 161.445 arruma suas coisas que você ta indo embora!

6.044 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais