Il Tempo Tra Di Noi

Eros Ramazzotti

exibições 7.442

Il Tempo Tra Di Noi

Anche se non sento dentro me amore
ritorno sempre là
a quelle immagini ai giorni liberi
pieno di entusiasmo sembrerò
solo a chi non saprà comprendere
il vuoto dentro me

E rimangono le lacrime in bilico
dietro gli angoli degli occhi che sorridono

Il tempo non ha limiti
non passa per dividerci
è un pretesto sai che non basta mai per difenderci
il tempo cura i lividi
difende dai pericoli
di un amore che mai dimentica il tempo tra di noi

Il ricordo è inafferrabile, lo so
che male più non fa
ma se ti incontrerò
io non mi salverò
cresce dentro l'anima la voglia che ho di te
distanze fragili ci uniscono di più

E non trovo le parole per spiegarmelo
perchè quelli che si cercano poi si perdono

Il tempo non ha limiti
non passa per dividerci
è un pretesto sai che non basta mai per difenderci
il tempo cura i lividi
difende dai pericoli
di un amore che mai dimentica...no

Ci sono attimi che non ritornano più
[ vivrò pensando a te
il tempo è un alibi per non amarti più
[ vivrò pensando a te
ti sento accanto a me come se fossi qui

Il tempo non ha limiti
non passa per dividerci
è un pretesto sai che non basta mai per difenderci
il tempo cura i lividi
difende dai pericoli
di un amore che mai dimentica il tempo tra di noi
Il tempo tra di noi

O Tempo Entre Nós

Também se não sinto dentro de mim, amor
retorno sempre lá
a aquela imagem do dia livre
cheio de entusiasmo parece
só quem não sabe compreender
o vazio dentro de mim

E permanecem as lagrimas na confusão
nos cantos dos olhos, sorrindo

O tempo não tem limite
Não passa a dividir
É um pretexto sabe que não basta mais para defender
O tempo cura as feridas
defende do perigo
de um amor que não esquece o tempo entre nós

A memória é indescritível, eu sei
que faz mais mal
mas se te encontrarei
eu não me salvarei
cresce na alma o desejo que tenho por você
distancia

E não encontro as palavras para explicar
Porque aqueles que cercam depois se perdem

O tempo não tem limite
Não passa a dividir
É um pretexto sabe que não basta mais para defender
O tempo cura as feridas
defende do perigo
de um amor que não esquece

São segundos que não retornam mais
vivo pensando em você
o tempo é um álibi para não amar-te mais
vivo pensando em você
Eu sinto você perto de mim como se eu estivesse aqui

O tempo não tem limite
Não passa a dividir
É um pretexto sabe que não basta mais para defender
O tempo cura as feridas
defende do perigo
de um amor que não esquece o tempo entre nós
o tempo entre nós

0 comentários
Terra Música feedback