Letras de músicas - Letras.mus.br

Rocce Nere

Il respiro si fa forte ghiaccio e vento rompono
il silenzio dell'immenso tutto intorno a me
dalla rupe il mio sguardo si smarrisce aldilà
di scolpiti massi antichi memorie di passato ardor

Ed inerti rimangono le remote valli
e nei laghi si specchiano rocce nere Orobie

Mi circonda il profumo della neve sulla pietra
sono schiavo dei miei sensi io mi immergo nell'oblio
or son libero e sovrasto le dimore e i boschi bui
seguo il fiume all'orizzonte che svanisce nell'addio

Ed inerti rimangono le remote valli
e nei laghi si specchiano rocce nere Orobie

Rochas Negras

A respiração se torna mais forte de gelo e quebra vento
O imenso silêncio à minha volta
Da rocha desvia os meus olhos para além
Das antigas memórias esculpidas pedras de ardor passado

E materiais inertes continuam a ser os vales remotos
E lagos são refletidas Orobie rochas negras

Em torno de mim o cheiro de neve sobre a pedra
Eu sou um escravo dos meus sentidos eu mergulhar no esquecimento
Agora eu sou livre e afogou-se as habitações e as madeiras escuras
Eu sigo o rio no horizonte que desaparece nell'addio

E materiais inertes continuam a ser os vales remotos
E lagos são refletidas Orobie rochas negras

Composição: Sabe quem é o compositor? Envie pra gente.
Enviada por Priscila
Traduzida por Emilene
340 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais