Oração de São Jorge

Gildo de Freitas

exibições 17.591

Meu glorioso são Jorge o seu cavalo pegou
Naquele mesmo momento pois o arreio e montou
Sua viagem seguiu, na porta do céu chegou;
E Jesus lhe atendeu
Quando São Jorge bateu, porém antes perguntou:

(Quem bate na minha porta com tanto desembaraço;
Eu sou o coração de bronze, o valente peito de aço.
Sou Jorge, braço forte, sou o seu guarda do espaço
Sou valente peleador,
E venho pedir ao Senhor para guiar os meus passos.
Preciso da sua ajuda em tão triste hora eu digo
Com a sua proteção enfrentarei os perigo
E disse Jesus: Eu dou, és meu anjo, és meu amigo
Eu vou te dar sete cruz,
Com os poder de Jesus pra prender teus inimigos)

Eu vou te dar sete cruz para tua salvação
Levaras uma na testa que esta é tua direção
Três nas costas, três nas frontes, com a minha proteção
E farás como te digo
Que todos teus inimigos nenhuma força terão

Se eles tiverem olhos nunca te enxergarão
Com armas branca e porrete com revolver e munição,
Qualquer espécie de armas nunca te atingirão
Tens a mim que te governa
E eles com braços e pernas nunca te alcançarão.

E foi assim que são Jorge recebeu lá do além
Este tão grande poder que de hoje em dia ele tem
São Jorge tu me defenda e os meus amigos também
Me benzo com teu auxilio
Em nome do Pai e do Filho, do Espírito Santo, Amém! (2x)

Terra Música feedback