Letras de músicas - Letras.mus.br

Viola, Minha Viola

Inezita Barroso

Viola, minha viola
Cavalete de pau preto
Corro com você nos braços
De joelho me prometo
Viola, minha viola
De jacaranda e canela
Na alegria ou na tristeza
Eu vivo abraçado nela
Minha viola vivida
Eu ganho a vida com ela

No quadro da santa seia
Doze apóstolos tem
A viola não é santa
Mas tem doze cordas também
Doze meses tem o ano
Doze horas tem o dia
Doze horas tem a noite
E está noite é de alegria
Está viola divina
Já me deu o que eu queria

Não aprendi a fazer guerra
Na escola de cantoria
Fazer guerra é muito fácil
Quero ver fazer poesia
Com está viola divina
Um pedido vou fazer
Para Deus matar a morte
Pro cantador não morrer
Enquanto existir viola
Cantador tem que viver

Até o ano 2000
Se uma viola só existir
Garanto vai ser a minha
Que não paro de tinir
Um cantador sem viola
Na carreira nada tem
Essa viola divina
Das mãos de Deus é que fez
Quem não gosta de viola
Não gosta de Deus também

10.757 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais