Naturalmente

João Donato

exibições 1.228

Ter nada, nada para ter
Ter cada estrada para andar
Andar em cada para ser
Ter cada nada para dar
Ser gargalhada para rir
Ser a palavra para dar
Ser serenata para ouvir
Ser ser e nada para amar
Saber a calma para ir
Perder a pressa para estar
Perder o verbo para si
Saber o sonho para lá
Ouvir a rima dor
Cantar a nota para o céu
Achar a forma para a flor
Naturalmente para Deus
Ter nada, nada para ter
Ter cada estrada para andar
Andar em cada para ser
Ter cada nada para dar
Ser gargalhada para rir
Ser a palavra para dar
Ser serenata para ouvir
Ser ser e nada para amar
Saber a calma para ir
Perder a pressa para estar
Perder o verbo para si
Saber o sonho para lá
Ouvir a rima dor
Cantar a nota para o céu
Achar a forma para a flor
Naturalmente para Deus
Viva Belém do tucupi
Belém, Belém do tacacá
Belém, Belém do açaí
Belém, Belém do Grão-Pará

Composição: Gilberto Gil / João Donato · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ian
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback