Canibal

Jota Quest

exibições 9.813

CANIBAL

O meu canto forte vai rumo sul e rumo norte, viajo voando no vento
tentando encontrar a sorte.
Se você está comigo felicidade o meu peito invade, sem você a distância
atormenta é só maldade, sem você na minha vida sou solidão sou saudade.
Acuado eu sou um animal, fera ferida canibal, as vezes eu sou um terror,
sou um gavião sou um predador, mas se me beijas eu sou o amor.
Sem você sou feito vendaval, sou um tufão sou temporal, com você eu
sou um beija flor, menino pobre sonhador.
Eu sou voraz eu sou cruel, eu bebo vinho eu bebo féu, vou desfrutar do
teu amor seu beijo doce feito mél.

Féra ferida eu sou feroz, eu sou voraz eu sou atroz.
Veloz igual um vendaval, fera ferida canibal.
Eu sou voraz eu sou atroz, fera ferida eu sou feroz.
Féra ferida canibal, veloz igual um vendaval.

Viajo feito vela ao vento, estou sempre a te buscar, tu não me sai do pensa
mento, preciso tanto te encontrar, o seu amor eu quero ter, vou te ferir e te
curar.
Coração bate tranqüilo, bate bem no seu compasso, amor é sonho é emoção
eu vou me encontrar no seu abraço.

Féra ferida eu sou feroz, eu sou voraz eu sou atroz.
Veloz igual um vendaval, fera ferida canibal.
Eu sou voraz eu sou atroz, fera ferida eu sou feroz.
Féra ferida canibal, veloz igual um vendaval.

oliveira.pires2004@ig.com.br
telefone contato: (61) 3374-6187/3374-7615/3361-9864

Composição: MARCOS ANTONIO PIRES DE OLIVEIRA · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por marcos
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música
feedback