Ghost Walking

Do you remember when word was bond?
A fleeting promise in the light of the dawn.
Barren december, under a falling sky,
The end of days are the reason to die.

Obliteration never looked so divine,
Holding your breath for the moment in time.

You lived through hell, now you're trying to die,
The skin is healed but you're bleeding inside.
Shots fired just to numb the pain,
There's no one left to save.

Night blind on the shining path,
Ghost walking in the aftermath.
Hypnotised 60 cycle hum,
The broken cadence of a distant drum.

21 to 1 i'm liking the odds,
A blood junkie with a lightning rod.
A dirty rig and a heavenly nod,
And still you wind up nowhere.

Obliteration never looked so divine,
Holding your breath for the moment in time.

You lived through hell, now you're trying to die,
The skin is healed but you're bleeding inside.
Shots fired just to numb the pain,
There's no one left to save.
There's no one left to save.
There's no one left to save.

You chase the dragon but it followed you home,
You lost the fever dreams and broken hope.

Decimation never looked so divine,
Promise yourself for the very last time.

You lived through hell, now you're trying to die,
The skin is healed but you're bleeding inside.
Shots fired just to numb the pain,
There's no one left to save.
There's no one left to save.
There's no one left.

A fever dream.
There's no one left to save.
Shots forever end the pain.
There's no one left to save.

Fantasma Andando

Você se lembra quando a palavra era de títulos?
Uma promessa fugaz na luz do amanhecer.
Dezembro estéril, sob um céu caindo,
O fim do dia é a razão para morrer.

Obliteração nunca pareceu tão divina,
Prendendo a respiração por um momento no tempo.

Você viveu o inferno, agora você está tentando morrer,
A pele é curada, mas você está sangrando por dentro.
Tiros disparados apenas para anestesiar a dor,
Não há ninguém para salvar.

Cegos caminham na noite brilhante,
Fantasma andando no rescaldo.
Hipnotizado no ciclo 60
A cadência quebrada de um tambor distante.

21 para 1 Estou gostando das probabilidades,
Um viciado em sangue com um pára-raios.
A plataforma suja e um aceno celeste,
E ainda você acaba em nada.

Obliteração nunca pareceu tão divina,
Prendendo a respiração por um momento no tempo.

Você viveu o inferno, agora você está tentando morrer,
A pele é curada, mas você está sangrando por dentro.
Tiros disparados apenas para anestesiar a dor,
Não há ninguém para salvar.
Não há ninguém para salvar.
Não há ninguém para salvar.

Você perseguiu o dragão, mas ele seguiu você para casa,
Você perdeu os febres sonhos e a esperança quebrado.

Dizimação nunca pareceu tão divina,
Prometa a si mesmo para a última vez.

Você viveu o inferno, agora você está tentando morrer,
A pele é curada, mas você está sangrando por dentro.
Tiros disparados apenas para anestesiar a dor,
Não há ninguém para salvar.
Não há ninguém para salvar.
Não há ninguém.

Um sonho febre.
Não há ninguém para salvar.
Tiros para sempre acabar com a dor.
Não há ninguém para salvar.

Composição: Lamb of God · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Victor
Traduzida por Jorge
9.225 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais