Knock 'Em Out

Alright so this is a song about anyone, it could be anyone.
You're just doing your own thing and some one comes out the blue
They're like
"Alright"
He's saying
"Yeah can I take your digits?"
And you're like, "no, not in a million years, you're nasty
Please leave me alone"

Cut to the pub on a lads night out
Man at the bar 'cos it was his shout
Clocks this bird and she looks ok
Caught him looking and she walks his way
"Alright darlin, you gonna buy us a drink then?"
"Err no, but I was thinking of buying one for your friend..."

She's got no taste hand on his waste, tries to pull away, but her lips on his face
"If you insist I'll have a white wine spritzer"
"Sorry love, but you ain't a pretty picture"

Can't knock em out, can't walk away
Try desperately to think of the politest way to say
Just get out my face, just leave me alone
And now you cant have me number
"Why?"
Because I've lost my phone

Oh, yeah, actually, yeah, I'm pregnant, having a baby in like 6 months so no, and yeah, yeah...

"I recognise this guy's way of thinking..."
As he walks over, a face start sinking
She's like
"Oh here we go.."
It's a routine check that she already knows, she's thinking they're all the same

"Yeah you alright baby? You look alright still, yeah, what's your name?"
She looks in her bag, takes out a fag, tries to get away from the guy on a blag, can't find a light
"Here, use mine"
"You see the thing is I just don't have the time"

Go away now, let me go
Are you stupid? Or just a little slow?
Go away now I've made myself clear
Nah it's not gonna happen
Not in a a million years

Nah, I've gotta go cos my house is on fire
I've got herpes, err no I've got syphilis...
Aids, aids, I've got aids!

Derrubá-los

Tá certo, então essa musica pode ser sobre qualquer um, poderia ser qualquer um
Você está lá, fazendo suas coisas e e alguém sai do nada,
Eles falam tipo
"Tudo bem"
Ele vai dizendo
"Hey, posso pegar na sua mão?"
E você olha tipo, "não, nem em um milhão de anos, você é nojento
Por favor me deixe em paz"

No pub numa noite dos homens
Um cara no bar pois era sua rodada de bebidas
Olha para uma gata e ela parece ok
Pegou ele encarando e ela foi na direção dele
"Tá certo, querido, você vai nos pagar uma bebida, então?"
"Er não, mas eu estava pensando em pagar pra sua amiga..."

Ela tem mau gosto, com a mão no quadril dele, tenta empurrá-la mas seus lábios estão no rosto dele
"Se você insiste, eu quero um um vinho branco"
"Desculpe amor, mas você não é muito gata"

Não consegue derrubá-los, não consegue ir embora
Tente desesperadamente pensar no meio mais educado de se dizer
Suma daqui, me deixe em paz
E você não pode ter meu número
"Por quê?"
Pois perdi meu telefone

Oh bem, na verdade eu tô grávida, o bebê vai nascer em uns 6 meses então não, e sim, sim...

"Eu conheço o jeito que esse cara pensa..."
Conforme ele se aproxima, ela começa a encolher
Ela vai tipo
"Oh, lá vamos nós..."
É uma checagem de rotina que ela já conhece, ela está pensando que eles são todos iguais

"Eh, você está bem, amor? Você parece bem mesmo assim, eh, qual seu nome?"
Ela olha na bolsa, pega um cigarro, tenta escapar do cara mascando, não consegue encontrar o esqueiro
"Aqui, use o meu"
"Veja, o que acontece é que simplesmente não tenho tempo"

Vá embora agora, me deixe ir
Você é estúpido? Ou só meio lerdo?
Vá embora agora que eu fui bem clara!
Não vai acontecer
Nem em um milhão de anos

Nah, eu preciso ir pois minha casa tá pegando fogo
Eu tenho herpes, er não, eu tenho sífilis...
Aids, aids! Eu tenho aids!

Composição: Darren Lewis / Earl King / Iyiola Babalola / Lily Allen · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Thailli
Traduzida por Marília
26.977 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais