Mangabeira

Mangabeira

Tragando sonhos, tragando versos
Do universo do reverso do meu ser
Percebi que o sol beijava o mar
E eu não beijava você
Vi uma estrela cair do teu olhar
E o azul do teu amor me conquistar
Perdidamente, perdido na sua mente
Não via se não você na minha frente
Espaço sideral da tua boca
Onde mora o Deus de quem ama
Brota chama louca, que nos tira a roupa
E num toque nos da prazer

Na fogueira a beira da Mangabeira

Como um anjo emanando encanto
Derramando o pranto da canção
Um brinde de dois corpos
Gambiarra de dois corpos
Ate que em fim é só meu teu coração
Hoje venho aqui e lhe peço bis
Por me ter feito o homem mais feliz
Do mundo não sei, universo talvez
Mas nunca vou esquecer daquela vez

Na fogueira a beira da mangabeira

Composição: Luiz Feijoli / Xitão Moreira · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Fauze
203 exibições
Ver mais fotos

Comentários


Quem curte?

Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais