exibições 6.653

Meu amigo
Teu amigo vai-se embora
Teu amigo parte agora
Para não mais regressar
Não quero ser o culpado da tragédia
Que por enquanto é comédia
No cenário do teu lar

Há mulheres que nasceram com o destino
De não ter o dom divino
De viverem só pra um
Meu amigo
Te declaro aqui por fim
Essa mulher que te beija
Te beija pensando em mim

O teu lar era meu lar também
Pra quem vive sem ninguém
Lar ajuda a viver, mas vou-me embora
Pode achar-me enfraquecer
Por favor, não me censure
Estou cumprindo meu dever, de amigo.

0 comentários
Terra Música feedback