Letras de músicas - Letras.mus.br

O Fortuna

Fortuna imperatrix mundi

O fortuna
Velut luna
Statu variabilis,
Semper crescis
Aut decrescis;
Vita detestabilis
Nunc obdurat
Et tunc curat
Ludo mentis aciem,
Egestatem,
Potestatem
Dissolvit ut glaciem.

Sors immanis
Et inanis,
Rota tu volubilis,
Status malus,
Vana salus
Semper dissolubilis,
Obumbrata
Et velata
Michi quoque niteris;
Nunc per ludum
Dorsum nudum
Fero tui sceleris.

Sors salutis
Et virtutis
Michi nunc contraria,
Est affectus
Et defectus
Semper in angaria.
Hac in hora
Sine mora
Cordum pulsum tangite;
Quod per sortem
Sternit fortem,
Mecum omnes plangite!

Ó Sorte

Sorte imperatriz do mundo

Ó Sorte
Como a lua
Variável
Sempre crescendo
E minguando
Vida odiosa
Primeiro oprime
Então alivia
A mente só por diversão
Pobreza
Poder
Derretem como gelo

Destino - monstruoso
E vazio
Roda da sorte
Tu és malevolente
Bondade em vão
Que sempre não leva à nada
Obscura
E coberta
Você também me amaldiçoou
E agora no jogo
Eu trago minhas costa nuas
À tua vilania

O destino está contra
Minha saúde
E virtude
Dás
E tira
Sempre escravizando
Então agora
Sem demora
Puxe essa corda vibrante
Já que o destino
Extermina o forte
Chorem comigo!

Composição: Sabe quem é o compositor? Envie pra gente.
Traduzida por Walter
Legendado por Mandelo e outras 2 pessoas.
67.818 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais