O Alarme Mio

Pacificadores

E aê moleque, rap é pros forte, tá ligado?
Cola na quebra depois quer tirar todo mundo
Fuleiro você não é boy, você não é favela
O que você é? Um parasita que tá manchando o rap nacional!
Eu tenho pena de você!
Escuta!

Cê quis somar enquanto a gente ri
Agora você vai chorar
Rap é pros forte, então você pode parar
Você não e ninguém
Seu rapzinho tá devagar e o meu vai mais além
E o alarme miô
E o alarme miô
E o alarme mio ô ô ô ô
E o alarme mio ô ô ô ô

Cola na quebra pede ajuda depois chama de ladrão
Quem rouba favela também tem o seu cuzão
Aqui é preto mas consta ai o nome ta limpinho
Abre as pernas o caralho são vários manos por mim
Fica nas redes sociais falando merda cururu
Quero ver falar na cara desse aqui o pau no cu
A vida e foda te bota no meio de uma pá zika
Te chama de irmão te da um rombo e te complica
Fica ai dando uma de santo a mamãezinha te apóia
Só ela não percebeu essa sua cara nóia
Ta famoso nos vídeo abusando as novinha
Na cadeia taradão apanha e vira menininha
Ta se crescendo com um milhão
O meu passou dos dez
Tem que nascer de novo
Pra chegar aos meus pés
Favela é nois talento vem brotando em cada esquina
Rap é compromisso não é só escrever rima

Cê quis somar enquanto a gente ri
Agora você vai chorar
Rap e pros forte então você pode parar
Você não e ninguém
Seu rapzinho ta devagar e o meu vai mais além
E o alarme mio,
E o alarme mio,
E o alarme mio ô ô ô ô,
E o alarme mio ô ô ô ô,

Sem chegar e sem sair eu to na 4121
Não sou buceta igual você fecha a boca o pau no cu
Anda de sonzão roda loka e me detesta
O som parou tu me liga na madruga e que fio terra
Estuda um pouquinho que no rap tu ta mal
Vestibular faculdade se formar em paga pau
Tu fala de mais e tua língua gera treta
Fala que come mulher mais só vive na punheta

Que Rodstar é o caralho que ser play seu arrombado
A turminha de pilantra ta formada os pau no rabo
Mister M mostra a cara eaí Razeck quem tu é?
Cola com os boy não tem nada e quer ser rei do Cabaré!
Fingiu estar colado, mas quem diminui não soma
Vira até vagabunda pra andar no meu carona
É uma corja de safado que só gosta de intriga
É o mais novo seriado
Cabelinho e o seu barriga

Cê quis somar enquanto a gente ri
Agora você vai chorar
Rap e pros forte então você pode parar
Você não e ninguém
Seu rapzim ta devagar e o meu vai mais além
E o alarme mio
E o alarme mio,
E o alarme mio ô ô ô ô
E o alarme mio ô ô ô ô

Eu sou da norte com orgulho
Rueira desde pivete
Eu conquistei meu espaço através das fitas cassetes
Que reviver a historia de B.I.G e Topac
Só no teu rap cuzão que eu vou da piripaque
Colecionando inimigos foi tão largo o teu passo
Ta viajando num beck que tem o peito de aço
Aqui não é U.F.C rap não é bang-bang
Se te de fora então fique que pode espirrar sangue
Eu não ataco ninguém, mas pode crê que revido
Nunca esteve no alto só estava iludido
Coitado nunca foi boy (no clipe carro emprestado)
Primeiro aprende a cantar até calado eu te esparro
Tava sonhando com flash balada bebida e puta
Caiu com a cara na lama
Mentira tem perna curta
Nem foi você que escreveu deixa de ser moleque
Eae pivete primeiro a prende a compor pra
Depois cantar um rap

Cê quis somar enquanto a gente ri
Agora você vai chorar
Rap e pros forte então você pode parar
Você não e ninguém
Seu rapzim ta devagar e o meu vai mais além
E o alarme mio
E o alarme mio
E o alarme mio ô ô ô ô
E o alarme mio ô ô ô ô

Ha ha ha ha ha
Não vai tirando o trabalhador não
Que eu sou também, mas querer tirar de boy
Ganhando 1% em cada roupa que vende
Qualquer dia desse lá tá ligado eu vou lá
Comprar uns pano e fazer o seu mês
"Mais feliz!!!"

Composição: Kadyn · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Lucas
15.556 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais