No Sé Si Es Amor

RBD

exibições 46.456

No Sé Si Es Amor

Bueno...
Bueno, anahí ¿eres tu?
Sí, ¿quien habla?
Habla poncho, ¿cómo estas?
Bien, ¿y tú?
Oye, pues quería ver si querías ir conmigo hoy al cine
¿ahorita?
Bueno es... a las ocho
Es que me da pena
Pero ¿por qué te da pena
Es porqué hace mucho que no te veo
Bueno pero de tal manera vamos ¿no?
Hummm... no sé, déjame ver
Pero ¿qué tines que ver?
Tengo que... pedir permiso
Bueno pues, pide permisso
Es que ahorita no esta mi daddy
Entonces que queda ¿me hablas, te hablo o como lo hacemos?
No, no, no, háblame al rato
Bueno! ok!
Oye, pero no me cuelgues
Porque ?
Porque quiero oír tu voz...

Esta súbita confusión
Esta loca cosquilla
Desordenándome el corazón

Estas ganas de no sé qué
Que me atacan de pronto
Y pierdo la razón, mirándote.

Lo cierto es que siempre contigo me pasa igual
De tu pensamiento al mío van, descargas de electricidad.

Yo no sé si es amor
Pero yo creo que sí
Se detiene el reloj
Cuando tú estás junto a mi

Esta revolución
Que ya no sé controlar
Yo no sé si es amor
Y lo voy a averiguar de una vez.

Te quiero, te quiero
Yo creo, que si es amor
Parece, a veces
Parece, que si es amor
Te quiero, ay te quiero!
Yo creo, que si es amor
Parece, ay a veces!
Parece, que si es amor

Não Sei Se É Amor

- Alo?
- Alo, Anahí, é você?
- Sim, quem fala?
- É o Poncho, como está?
- Bem, e você?
- Olha, queria saber se quer ir comigo hoje no cinema.
- Agora?
- Bom, é... Às 8h.
- É que me dá medo.
- Mas por que te dá medo?
- Porque faz muito tempo que não te vejo.
- Bom, mas de qualquer maneira vamos, né?
- Hummm... Não sei, deixa eu ver.
- Mas o que você tem que ver?
- Tenho que... Pedir permissão!
- Bom, então peça permissão.
- É que agora meu daddy não está.
- Então como fica? Você me liga, eu te ligo ou como vamos fazer?
- Não, não, não, me ligue daqui a um instante.
- Bom, ok.
- Olha, mas não desliga!
- Por que?
- Porque quero ouvir sua voz...

Essa súbita confusão
Essa louca cosquinha
Desordenando o meu coração

Essa vontade de não sei o que
Que me ataca do nada
E perco a razão, te olhando

O certo é que sempre com você acontece igual
Do seu pensamento ao meu vão descargas de eletricidade

Eu não sei se é amor
Mas eu acho que sim
O relógio pára
Quando você está comigo

Essa revolução
Que já não sei controlar
Eu não sei se é amor
E vou averiguar de uma vez

Te quero, te quero
Eu acho que sim, é amor
Parece, às vezes
Parece que sim, é amor
Te quero, ai te quero!
Eu acho que sim, é amor
Parece, ai às vezes
Parece que sim, é amor

Terra Música
feedback