Dolcissima Maria

Renato Russo

exibições 36.545

Dolcissima Maria

Dolce Maria, dimentica i fiori
Dipinti dal tempo, sopra il tuo viso,
E gli anni andati via seduta ad aspettare una lunga, lunga via
Nessuna da incontrare...ohhh
Non voltarti più

E il giorno arriverà vestito di poesia
Ti parlerà di sogni che non ricordavi più,
E ti benedirà Dolcissima Maria.

Dolce Maria, dagli occhi puliti
Dagli occhi bagnati è tempo di andare:
E presto sentirai profumo di mattino
E il tordo canterà volandoti vicino...ohhh
Non voltarti più.

E qualcuno se vorrai vestito di poesia
Ti coprirà d'amore senza chiederti di più
E t'accarezzerà Dolcissima Maria

Docíssima Maria

Doce Maria, esqueça as flores
Pintadas pelo tempo, sobre o seu rosto,
Os anos se passaram, e você sentada a esperar um longo, longo caminho
E não encontrou nenhum ... ohhh
Não olhe para trás

E o dia chegará vestido com poesia
Te falará de sonhos que não se lembrava,
E te abençoará, Docíssima Maria.

Doce Maria, dos olhos limpos
Dos olhos molhados, é hora de ir:
E logo você vai sentir o perfume da manhã
E o rouxinol cantará, voando perto de ti ... ohhh
Não olhe para trás

E se você quiser alguém vestido com poesia
Te cobrirá de amor, sem te pedir mais
E te acariciará Docíssima Maria

Composição: Franco Mussida/flavio Franco/mauro Pagani/voz Renato Russo · Esse não é o compositor? Nos avise.
Legendado por Danna
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.
Terra Música feedback