Moro Na Roça

Revelação

exibições 6.468

Moro na roça, iaiá,
Nunca morei na cidade.
Compro o jornal da manhã
Pra saber das novidades. (2x).

Esse papo tá maneiro.
Rogerinho, cadê você?
A galera bate palma
Na gravação é do meu DVD.
Mas eu canto esse samba,
Que pagode, jóia rara.
Tô na pedra de Xangô,
No colo da Baía da Guanabara.

Moro na roça, iaiá,
Nunca morei na cidade.
Compro o jornal da manhã
Pra saber das novidades. (2x).

Sou do morro do Turano
Lá no bairro da Tijuca.
Vim gravar o meu DVD
Com Revelação aqui no morro da Urca.
Olha que eu canto pagode
Calçado e de pé no chão,
Mas vou pedir pra galera:
Bate na palma da mão.

Moro na roça, iaiá,
Nunca morei na cidade.
Compro o jornal da manhã
Pra saber das novidades. (2x).

Meu compadre Serjão de Inhaúma,
Mete a mão nesse pandeiro.
Eduardo Luiz, viva São Jorge guerreiro.
Beto Lima tá de preto
Tocando o seu violão.
Mauro Júnior e Rogerinho
Do Grupo Revelação.

Moro na roça, iaiá,
Nunca morei na cidade.
Compro o jornal da manhã
Pra saber das novidades. (2x).

Olha aqui, eu pago em dia, PC,
E eu nunca dei Calote,
Você tá aqui no meu show
E é empresário do grupo Pixote.
Tem o grupo Exaltasamba
(Tomo cachaça e não tô de pileque).
Olha: tem Tem Sensação,
Aragão e Jeito Moleque.

Moro na roça, iaiá,
Nunca morei na cidade.
Compro o jornal da manhã
Pra saber das novidades. (2x).

Terra Música
feedback