Sala de Jantar

Scracho

Silêncio invade a sala de jantar
Falo qualquer coisa pra quebrar o gelo
Entendo que você não quis brigar
E peço que não trate com indiferença
Pois as emoções, às vezes, pregam peça em nós.

Você bem sabe o que a gente tem
Sento do seu lado, implico igual criança
Pra você rir e eu também
Somos só os dois no palco pra essa dança.

Mas as emoções, às vezes, pregam peça em nós
Testemunhas vão lhe confirmar
Eu nunca quis te magoar.

Vem, que eu te faço um cafuné
Aqui embaixo do edredom
Não vá dizer que cê não quer
Diz que essa briga já passou
E a gente vai se acertar
Só pra cuidar do nosso amor.

Silêncio invade a sala de jantar
E chega da TV só um som bem baixinho
Deitados no sofá
Durmo no seu colo com o seu carinho.

Pois as emoções, às vezes, pregam peça em nós
Testemunhas vão lhe confirmar
Eu nunca quis te magoar.

Vem, que eu te faço um cafuné
Aqui embaixo do edredom
Não vá dizer que cê não quer
Diz que essa briga já passou
E a gente vai se acertar
Só pra cuidar do nosso amor.

Como um sonho que viaja e sempre se despede ao amanhecer
Não precisam mais palavras, olha no meu olho pra me entender.

Vem, que eu te faço um cafuné
Aqui embaixo do edredom
Não vá dizer que cê não quer
Diz que essa briga já passou
E a gente vai se acertar
Só pra cuidar do nosso amor.

Composição: Juan Gonzales / Gabriel Leal / Diego Miranda · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Nathália
Legendado por rafaellauvini e Marina
116.197 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais