No Creo

Shakira

exibições 95.673

No Creo

Sólo tú sabes bien quien soy
Y por eso es tuyo mí corazón
Sólo tú doblas mi razón
Y por eso a donde tú quieras voy

No creo que el mar algún día
Pierda el sabor a sal
No creo en mi todavía
No creo en el azar

Sólo creo en tu sonrisa azul
En tu mirada de cristal
En los besos que me das
Y en todo lo que digas

Sólo tú sabes bien quien soy
Y por eso es tuyo mi corazón
Sólo tú doblas mi razón
Y por eso a donde tú quieras voy
Si hablo demasiado
No dejes de lado
Que nadie más te amará así
Como lo hago yo

No creo en Venus ni en Marte
No creo en Carlos Marx
No creo en Jean Paul Sartre
No creo en Brian Weiss

Sólo creo en tu sonrisa azul
En tu mirada de cristal
En los besos que me das
E hablen lo que hablen

Sólo tú sabes bien quién soy
Y por eso es tuyo mi corazón
Sólo tú doblas mi razón
Y por eso a donde tú quieras voy
Si hablo demasiado
No dejes de lado
Que nadie más te amará así
Como lo hago

Ay, yo quiero ser tu firmamento
De tu boca una canción
De tus alas siempre ser el viento

Tu terrón de sal
Un rayo de sol
Que adonde digas que tú quieres que yo vaya voy
Que eres mi desliz, mi país feliz
Mi primavera
Mi escalera al cielo, sí
Por eso sigo aquí y camino contigo
A tí nunca podría decirte que no

Sólo tú sabes bien quien soy
Y por eso es tuyo mi corazón
Sólo tú doblas mi razón
Y por eso adonde tú quieras voy

Tu terrón de sal
Un rayo de sol
Que adonde digas que tú quieres que yo vaya voy
Eres mi desliz, mi país feliz
Mi primavera
Mi escalera al cielo, sí

Si hablo demasiado
No dejes de lado
Que nadie más te amará así
Como lo hago

Não Acredito

Só você sabe bem quem sou
E por isso é seu o meu coração
Só você me faz perder a razão
E por isso onde você quiser eu vou

Não acredito que o mar algum dia
Perca o sabor de sal
Não acredito em mim ainda
Não acredito no acaso

Só acredito no seu sorriso azul
No seu olhar de cristal
E nos beijos que você me dá
E em tudo o que você fala

Só você sabe bem quem sou
E por isso é seu o meu coração
Só você me faz perder a razão
E por isso onde você quiser eu vou
Se eu falo demais
Não se esqueça
De que ninguém mais amará você
Assim como eu

Não acredito em Vênus nem em Marte
Não acredito em Karl Marx
Não acredito em Jean-Paul Sartre
Não acredito em Brian Weiss

Só acredito no seu sorriso azul
No seu olhar de cristal
E nos beijos que você me dá
E falem o que quiser

Só você sabe bem quem sou
E por isso é seu o meu coração
Só você me faz perder a razão
E por isso onde você quiser eu vou
Se eu falo demais
Não se esqueça
De que ninguém mais amará você
Assim como eu

Ai, eu quero ser o seu alicerce
Da sua boca uma canção
Das suas asas sempre ser o vento

Seu pedaço de sal
Um raio de sol
Que onde você disser que quer que eu vá, eu vou
Você é o meu deslize, meu país feliz
Minha primavera
Minha escada ao céu, sim
Por isso continuo aqui e caminho com você
E a você nunca poderia dizer que não

Só você sabe bem quem sou
E por isso é seu o meu coração
Só você me faz perder a razão
E por isso onde você quiser eu vou

Seu pedaço de sal
Um raio de sol
Que onde você disser que quer que eu vá, eu vou
Você é o meu deslize, meu país feliz
Minha primavera
Minha escada ao céu, sim

Se eu falo demais
Não se esqueça
De que ninguém mais amará você
Assim como eu

0 comentários
Terra Música feedback