Rasta Courage

Try and remember now just what has been done
Enslavement, displacement of every nation
And now to one nation, everyone hold their grudge
Kind of makes me wonder about which side I'm on
Don't defend no white, and I don't defend black
I defend truth and rights and all of that
I work on situations where I'm at
Hold my position and never fall of track

Nah give up my faith!
Though Babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, Rasta courage
Go against society, Rasta courage

Babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, Rasta courage
Go against society, Rasta courage

I never give no good vibes
And I never give up no truth
Never trade my sanity for living in Babylon crew
Vanity will never drive this man insane
This man will walk alongside Jah again
We see all of the pressure to conform today
And I may sometimes bend
But only as not to break
Cause a life of iniquity for laziness' sake
Is a deal with the devil rasta just can't make

Nah give up my faith!
Though Babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, Rasta courage
Go against society, Rasta courage

Babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, Rasta courage
Go against society, Rasta courage

Looking back now upon all of the evidence
Four hundred years and what those years have
Really done, we talk of peace but at the
First sign of war. Bredren and bredren and
Sistren ain't sistren no more. Without forgiveness
How will any war cease, while the heathen rage?
Rastaman, sitting at ease. No one will move a
Muscle for some moral justice and with no justice there will be no peace

Nah give up my faith!
Though babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, rasta courage
Go against society, rasta courage

The Babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, rasta courage
Go against society, rasta courage

Nah give up my faith!
Though babylon rage
I and I will strive until
The end of my days, rasta courage
Go against society, rasta courage

Looking back now upon all of the evidence
Four hundred years and what those years have
Really done, we talk of peace but at the
First sign of war. Bredren and bredren and
Sistren ain't sistren no more. Without forgiveness
How will any war cease, while the heathen rage?
Rastaman, sitting at ease. No one will move a
Muscle for some moral justice and with no justice there will be no peace

Coragem Rasta

Tente e lembre-se agora do que foi feito
Escravidão, deslocamento de cada nação
E agora por uma nação, todos guardam rancor
Tipos de feitos me fazem querer saber de que lado eu estou
Eu não defendo os brancos, e eu não defendo os negros
Eu defendo a verdade e direitos e tudo disso
Eu trabalho nas situações em que estou
Seguro minha posição e nunca saio do caminho

Não desisto da minha fé!
Embora a raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Eu nunca dou vibrações negativas
E eu nunca desisto da verdade
Nunca trocaria minha minha sanidade para viver na multidão da Babilônia
Vaidade nunca irá guiar esse homem insano
Esse homem andará ao lado de Jah novamente
Nós vemos toda a pressão para se conformar hoje
E eu posso algumas vezes dobrar
Mas não até quebrar
Porque uma vida de maldade por amor a preguiça
É um acordo com o diabo que o Rasta não pode fazer

Não desisto da minha fé!
Embora a raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Olhando para trás agora em cima de todas as provas
400 anos e o que aqueles anos têm
Realmente feito, nós falamos de paz mas no
Primeiro sinal de guerra. Manos e manos e
Manas não são manas mais. Sem perdão
Como alguma guerra poderá terminar, enquanto se agitam as nações?
Homem Rasta, audiência à vontade. Ninguém moverá um
Músculo por alguma justiça moral e sem justiça não viverão

Não desisto da minha fé!
Embora a raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

A raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Não desisto da minha fé!
Embora a raiva da Babilônia
Eu e eu vou me esforçar até
O fim dos meus dias, coragem Rasta
Vai contra a sociedade, coragem Rasta

Olhando para trás agora em cima de todas as provas
400 anos e o que aqueles anos têm
Realmente feito, nós falamos de paz mas no
Primeiro sinal de guerra. Manos e manos e
Manas não são manas mais. Sem perdão
Como alguma guerra poderá terminar, enquanto se agitam as nações?
Homem Rasta, audiência à vontade. Ninguém moverá um
Músculo por alguma justiça moral e sem justiça não viverão

Composição: Jacob Hemphill · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Barbara
Traduzida por Ana
Legendado por lebby e slikline
572.536 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais