Letras de músicas - Letras.mus.br

Lembranças

Tottô e Cabeça

Eu, me pego aqui sozinho lembrando do passando
A gente era amigo sempre lado a lado
Nas horas mais difíceis agente estava junto
Molequagem, traquinagem já fizemos muito
Sempre as nossas brincadeiras e nossos role não saem da minha mente aonde esta você
De repente, meu amigo, você mudou
Da brincadeira de criança você se cansou
Você mudou a sua vida da água pro vinho
Era só um moleque agora é um bandido
A brincadeira predileta é fugir da policia, roubar a vizinhança e cheirar cocaína.

(Refrão)
Oh ai que saudade dos amigos meus, que não estão aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão.
Oh ai que saudade dos amigos meus, que não estão
aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão

Amigo quem te viu agora quem te vê
Sua vida esta perdida pare de sofre
Sua mãe, coitada, já não sabe o que faz vive triste pelos cantos já não tem mais paz
Se conselho fosse bom agente nunca dava
Sua vida nesse lugar não vale de nada
Aqui o que impera é a lei do silêncio, ninguém sabe ninguém viu a cara do suspeito
Já tem gente de olho na sua ação querendo te manda pra
dentro de um caixão
Nesse mundo cruel nós somos só mais um
Não quero vê você furado com bala de dumdum

(Refrão)
Oh ai que saudade dos amigos meus, que não estão aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão.
Oh ai que saudade dos amigos meus, que não estão
aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão

O que menos esperávamos aconteceu
Boatos na favela que mais um morreu
Com o corpo estirado dentro do balão
Foi triste o seu fim doeu no coração
A saudade fica já não da pra aguentar
Familia e amigos se põe a chorar
Os tempos de moleque tá na minha lembrança
As brincadeiras boas do tempo de nossa infância
Na favela até hoje todo mundo chora
Quanta falta faz Arudinha, Aliviu, Rocha
Todos eles fazem festa lá no céu com Deus mais com Sandro, Rogerio, Bruno e Piguemeu

(Refrão)
Oh ai que saudade dos amigos meus. que não estão aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão.
Oh ai que saudades dos amigos meus, que não estão
aqui estão junto de Deus
Eles estão guardados no meu coração
Orei pra tá no céu e não na escuridão

  • Enviar legenda
  • Cifra
  • Ouvir música
  • Fotos
  • Vídeos
  • Imprimir
  • Corrigir
  • Enviar letra para...
25.060 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais