Tornou-se Pobre

Voz da Verdade

exibições 7.316

E marcaram as costas do mestre com a força do chicote
E lhe davam tapas na face produzindo-lhe a dor
E tiraram a roupa do mestre na presença de muitos
E cuspiam, zombavam e riam do mestre Jesus
E a coroa de espinhos marcava sua fronte ferida
Desprezado, humilhado, o mestre não reclamou
E tomou sua cruz, foi em frente por causa das almas
Não olhou prá si mesmo, mas negou-se pelo pecador
Suou gotas de sangue, pelos meus pecados
Pela queda do sangue de Cristo, eu fui perdoado
Suou gotas de sangue pelos meus pecados
Pela queda do sangue de Cristo, eu fui perdoado eu fui
Tornou-se pobre, prá que eu fosse rico
Tornou-se feio, prá que fosse bonito
Tornou-se servo, prá que eu fosse príncipe
E morreu, prá que eu pudesse viver

Terra Música feedback