Vou Mandar Pastar

5 à Seco

exibições 37.332

Tenho estado sempre aflito
Por guardar em mim um grito
De rancor irresoluto
Incrustado nas ideias

Fui ficando esquisito
Com a fartura de conflito
Vou vivendo o não - dito
E sofrendo as intempéries
De uma dor que é tão difusa
Torna as tardes inconclusas
Desencanta os meus sentidos
E desmente o que se vê

E eu já tão desiludido
Apenas não acredito
Como ainda tenho gana
De querer falar bonito

Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois quem tem muita pressa
Não pousa a cabeça em nenhum lugar
Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois só quem perde tempo
É quem acha que não tem mais tempo a perder

Fui ficando esquisito
Com a fartura de conflito
Vou vivendo o não - dito
E sofrendo as intempéries
De uma dor que é tão difusa
Torna as tardes inconclusas
Desencanta os meus sentidos
E desmente o que se vê

E eu já tão desiludido
Apenas não acredito
Como ainda tenho gana
De querer ganhar no grito

Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois quem tem muita pressa
Não pousa a cabeça em nenhum lugar
Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois só quem perde tempo
É quem acha que não tem mais tempo a perder

Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois quem tem muita pressa
Não pousa a cabeça em nenhum lugar
Vou mandar pastar
Vou parar de pensar prá viver
Pois só quem perde tempo
É quem acha que não tem mais tempo a perder

Composição: Vinicius Calderoni · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por stless, Legendado por Clara
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música
feedback