Seu Nome

Ana Carol

O vento corta a noite e o silêncio se faz som
E quando fecho os olhos eu te vejo bem melhor
Tantas vezes você veio em meio a escuridão
E essas imagens tão perfeitas desafiam a razão

É mais do que o céu de mil estrelas
Mais do que uma nota na canção
Numa simples folha um poema
Que fala direto ao coração
Enquanto um velho dorme na varanda
Se lembrando das paixões
Um joevem aspirante, marinheiro
Que se lança nesse mesmo mar

E as luzes me ofuscam
E eu leio o seu nome
No meio do nada
E eu grito seu nome
te encontro calado
Dentro da alma

O vento corta a noite e o silêncio se faz som
E quando fecho os olhos eu te vejo bem melhor

É mais do que o céu de mil estrelas
Mais do que uma nota na canção
Numa simples folha um poema
Que fala direto ao coração
Enquanto um velho dorme na varanda
Se lembrando das paixões
Um joevem aspirante, marinheiro
Que se lança nesse mesmo mar

E as luzes me ofuscam
E eu leio o seu nome
No meio do nada
E eu grito seu nome
Te encontro calado
Dentro da alma (2x)

Composição: Nanji · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ana
1.391 exibições
Ver mais fotos

Comentários


Quem curte?

Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais