Letras de músicas - Letras.mus.br

Vendedor de bucetas

Ary Toledo

Olha a buceta magrinha, gordinha
Já tão crescidinha já dá pra chupar
Paga duas leva três, aproveite freguês
Aproveite freguês, que já vão acabar.

Eu, plantei essa mudinha
No fundo do meu quintal
Foi crescendo as bucetinha
E formou um bucetal
Hoje eu ganho meu dinheiro
Bucetiando o dia inteiro
Oferecendo pro pessoal.

Olha as buceta
Bucetinha, bucetão
Quem tem dinheiro leva
Quem não tem fica na mão.

Vamo comprar óia a buceta
Bucetinha, bucetão
Quem tem dinheiro leva
Quem não tem fica na mão.

Eu cuido muito bem delas
Porque é meu ganha pão
Por isso não ponha o dedo
Por favor não ponha a mão
Meu amigo isso não é teta
Não me aperta essas buceta
Que elas ficam com tesão.

Olha a buceta
Bucetinha, bucetão
Quem tem dinheiro leva
Quem não tem fica na mão.

Uma ali pro cavalheiro
Outra ali pro cidadão
Uma ali pro punheteiro
Olha o troco meu irmão
Isso aqui é coisa rara
Com cabaço são mais cara
E as larga em liquidação.

Olha a buceta
Bucetinha, bucetão
Quem tem dinheiro leva
Quem não tem fica na mão.

A melhor coisa é buceta
Isso não tem discussão
Já tá provado que a punheta
É somente uma ilusão
Quando você tá gozando
Cê pensa que ta trepando
Tá com o caraio na mão.

Oia a buceta
Bucetinha, bucetão
Quem tem dinheiro leva
Quem não tem fica na mão
Ahaahhh.

Composição: Ary Toledo · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Wilson
99.349 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais