exibições 36.829

Dói, dói, dói quando a gente quebra cara
Ninguém segura o coração que quer amar
Louco alucinado de prazer...

Levei a sério mas você só quis brincar comigo
Machucou meu coração
Fiquei de graça feito um louco cego sem juízo
E sofri na sua mão
Entrei com tudo sem pensar que de repente
Tudo pode ter um fim
E mergulhando de cabeça
Me entreguei pra quem nunca gostou de mim
Agora você vem degonsa, carinhosa
Vem fazendo charminho pra me derrubar
Desculpe meu amor agora estou em outra
Dei todo o meu amor e você jogou fora
Mergulhei nos mares dessa solidão
Desculpe, mass não vou te dar mais uma vez meu coração!

Dói, dói, dói quando a gente quebra a cara
Ninguém segura o coração que quer amar
Louco alucinado de prazer

Dói, dói, dói quando a gente quebra a cara
E sofre tanto sem remédio pra curar
A dor de amar alguém que só te fez sofrer

Composição: Edu Luppa/Marquinhos Maraial · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por wilkeleny, Legendado por valdecy.junior
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
0 comentários
Terra Música feedback