O Rei do Coco

Bezerra da Silva

exibições 8.697

Balança o ganzá,
Segura o repente,
Cuidado cantor.
Não é banca nem vaidade
É pura realidade
O Rei do Coco chegou!
Mas chegou sim!

Não tenho culpa, mas coco se canta assim!
Se vc achar ruim o problema não é meu.
E veja bem meu bom cantor
Se vc não tem valor
O culpado não sou eu.

E vá balançando o ganzá
Vá segurando o ganzá
Cuidado cantor.
Não é banca nem vaidade
É pura realidade
O Rei do Coco chegou!
Mas chegou sim!

A natureza deu a mim este presente
Está no meu sangue, no meu eu
No meu coração na minha mente.
É coco na perfeição
Não é brincadeira não
Não tem "me saia da frente"

Vá balançando o ganzá,
Vá segurando o repente,
Cuidado cantor.
Não é banca nem vaidade
É pura realidade
O Rei do Coco chegou!
Mas chegou sim!

0 comentários
Terra Música feedback