Puro Sangue

Charlie Brown Jr.

exibições 483.961

Eu estou ficando louco
Ou o mundo vai mal?
A situação que se vê
É crise e pane geral!

Uns tentam se matar
Outros tentam se salvar
E no final do jogo
Eu quero ver quem
Vai estar lá!

Eu olho pra estante
Vejo a foto desfalcada
Nessa vida já se foram
Vários camaradas!

Gente que faz falta
Ou pisou e deu revolta
Saudade nunca vai
Mas saudade sempre volta!

A vida me ensinou
A dar valor pras pessoas
Ver o lado positivo
Elas podem ser boas!

Mas tem gente que ama as coisas
E usa as pessoas
Tem gente que não sabe o que é
Amizade e nem responsa!

Vagabundo é foda, pisa pra caralho
Mas vacilão comigo é
Carta fora do baralho

Sai de perto, meu Deus
Pior que assombração!
Mas não me deixo abater
Eu vou que vou, eu sou firmão!

Sou puro sangue e pode crer
Que não foi fácil
Eu vou na humilde
Mas a mim eu mesmo faço!

Puro sangue!
E pode crer
Que não foi fácil
Eu vou na humilde
Mas a mim eu mesmo faço!

Eu vivo por isso, sem isso não vivo
O outro lado da distância
É um elo perdido!
Força, atitude, coragem, respeito
Amor e memórias cravadas em meu peito!


Dias de luta, dias de glória
Em cada show uma alegria
Em cada esquina uma história!
Dias de luta, dias de glória
Lugares incríveis, mó galera da hora!

E não tão longe que eu não possa voltar
E nada tão difícil que eu não possa superar, sim!
Não tão longe que eu não possa voltar
Pois águas do passado não vão mais me incomodar, é!

Mas... Vagabundo é foda, pisa pra caralho
Mas vacilão comigo é
Carta fora do baralho

Sai de perto, meu Deus
Pior que assombração!
Mas não me deixo abater
Eu vou que vou, eu sou firmão!

Sou puro sangue e pode crer
Que não foi fácil
Eu vou na humilde
Mas a mim eu mesmo faço!

Puro sangue! E pode crer
Que não foi fácil
Eu vou na humilde
Mas a mim eu mesmo faço!

Ruína do conspirador
Se arrepende e tem rancor!
Raiva de si mesmo porque desacreditou
Que o mundo dá volta
Olha nós de volta
Ó nós de volta
Ó nós de volta, é!

Meu cumpade, eu te avisei
Pense bem no que vai fazer
Muito embora você já não merecesse
Mas, o mundo é louco desse jeito
Não adianta procurar, ninguém é
Perfeito, existe muita ilusão
E você sabe muito bem!

O tempo é sábio, o tempo é ouro
O tempo é rei!
No dia a dia onde se prova quem é quem!
Suas atitudes, nas suas virtudes
E até nos seus defeitos que se forem
Normais, serão aceitos!

Uma coisa eu já ouvi de um amigo meu
Nunca tenha ingratidão, com quem já te fortaleceu!
Essa que é a verdade, verme não deixa saudade
Eu só lamento, não fico perdido no tempo
Não quero mal a ninguém, eu sou da paz
Eu sou do bem!

Composição: Chorão / Heitor Gomes / Thiago Castanho · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ricardinho., Legendado por ng. e darkasuya
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback