Bruxas Malvadas

Chiquititas

exibições 45.488

Não gosto quando riem
Não gosto quando cantam
Não gosto quando curtem, quando dançam
Porque elas ficam mais lindas e eu fico mais feia
E por ser tão bruxa má se enruga mais que uma velha

Sou uma dama atraente,
Mas o médico te estica
Espelhinho, espelhinho,
Existe um rosto tão bonito
Espelhinho, espelhinho,
Este rosto de quem é?
De qualquer um menos seu
E por ser tão bruxa e má
Essa cara de enrugada
É a que merece ter
Ahh, malvada será

Minha vingança será dura conhecerão a tortura
Não tem doces e a casa e sempre as escuras
Eu já as tenho dominadas e agora me sinto fera.
E por ser tão bruxa e má se enruga mais que uma velha

Sou uma dama atraente,
Mas o médico te estica
Espelhinho, espelhinho,
Existe um rosto tão bonito (não)
Espelhinho, espelhinho,
Este rosto de quem é?
De qualquer um menos seu
E por ser tão bruxa e má
Essa cara de enrugada
É a que merece ter

Sou uma dama atraente,
Mas o médico te estica
Espelhinho, espelhinho,
Existe um rosto tão bonito
Espelhinho, espelhinho,
Este rosto de quem é?
De qualquer um menos seu
E por ser tão bruxa e má
Essa cara de enrugada
É a que merece ter.

Composição: Cristina di Giácomi / Carlos Nilson - Vs.: Caion Gadia · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por ×lumizinhA~*, Legendado por Gabriel e Hanna
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música
feedback