Tire Suas Mãos De Mim

Corbe

Pra ser sincero, é só o que espero:
Que seja pra sempre o que for
Sonho com medo, escondo um segredo
Que sempre te quis sem rancor

Foi, num canto foi
Te expôs e não vai mais voltar

Então tire as mãos de mim
De mim que não posso voltar a sentir essa dor
Então tire as mãos de mim
Não fui eu que apontei o revólver em seu coração

Foram-se os anos, mudaram-se os planos
Quando te esqueci você voltou
Se tornou presente, ficou aparente
Por muito tentei meu coração falhou

(Se eu pudesse falar, dizer) com a alma livre
(Se eu pudesse plantar, pra colher) a semente, a flor
(Nos meus olhos vou ver, te dizer, outra vez)
Se eu pudesse parar e pensar com a alma livre

3.278 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais