Adivinha quem voltou

Da Weasel

exibições 6.814

Adivinha quem voltou, comeu e não calou
Mais uma vez a doninha arrancou
Pronta a estourar em 95
Com muita pica, muito afinco
Sempre a misturar, sempre a desbundar
A fusão de muito som para inovar
Estritamente o prazer de querer, poder, fazer
Tudo aquilo que te apetecer
Chamam-me Pac com M-A-N
Mas às vezes vôo, plano como o Peter Pan
Da Weasel é a minha viagem
Pego no mic e fico um pouco selvagem
Papo a bula, faço a decolagem
Sempre a abrir até à próxima paragem
Dou-lhe sempre com a alma
E nunca pe-pe-perco a calma
Porque sei que o meu brother Jay
Quando pega no baixo malha como um rei (hahan)
E na guitarra que agarra tá o Quaresma
Com ele traz o puro Funk dos Lesma

Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)


Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)

De volta ao ataque frontal
Tentando dar um abanão em Portugal
Vou arrasar, enxertar, dissecar, não vou parar
Cavalo que corre por gosto não vai cansar
Tenho pano para mangas, palavras para rimas
Da Weasel é o som, não preciso vitaminas
Para fazer aquilo que me dá tusa
Conto com os beats que o Armando usa
As minhas rimas tornam-se lunáticas (woow)
Nunca plásticas ou matemáticas
Só tento transmitir o meu ponto de vista
Um pouco intimista sempre realista
Porque as minhas histórias são vividas por mim
E é pena que nem toda a gente seja assim
Parece que anda por aí uma febre
Só te tou a dar a dica não compres gato por lebre

Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)

Mais certeiro que uma ave de rapina
A minha rima domina, assassina
Tudo o que estiver a mirar
Faz vôo picado para acertar
Directamente na consciência
Seja de bandido ou de sua excelência
Se tenho inimigos é porque nunca minto
Faço o meu trabalho com tudo o que sinto
O contra-ataque é a melhor defesa
Costumo apanhar logo de surpresa
Finto como o João Pinto, marco golo na baliza
Levo cacetada mas a mim ninguém me pisa
Sem de seguida levar a dobrar
O pior é que às vezes é difícil levantar
Já estamos a chegar à paragem
Paz para todos os que ouvem a mensagem
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)
Adivinha quem voltou (ow ow)
Adivinha quem voltou (ow)

0 comentários
Terra Música feedback