Guerreiro Valente

Daniel e Samuel

exibições 6.291

Eu peguei minha viola a caneta e o papel.
Pra falar de um guerreiro que hoje mora no céu
Quando Ele aqui viveu foi um homem destemido, demonstrou fé e coragem.
Não temia o perigo, a aonde Ele chegava por todos era querido.
Da luta não recuava, honrava seus compromissos.
Pra cuidar de sua família não escolhia serviço
Na cidade ou na roça trabalhava com alegria
Sentia muito prazer naquilo que Ele fazia.
Logo era conhecido, pois gostava de cantar.
Trabalhava o dia inteiro sem ao menos reclamar
A noite ia pra Igreja pra Jesus adorar
Mais a vida nessa Terra um dia tem que findar
E o guerreiro valente a morte teve que enfrentar

Desta vez foi diferente, foi triste situação.
Um infarto feito flecha acertou seu coração
Foi pra mão da medicina, lutou muito pra viver.
Porem pra si Deus o levou, aliviando seu sofrer.
Deste Guerreiro valente para todos quero dizer
Foi o meu Papai Querido falo com muito prazer
Foi embora pra céu, receber seu troféu.
Mais dEle eu não vou esquecer

0 comentários
Terra Música feedback