Amores Indecisos

Erasmo Carlos

exibições 2.988

Sempre se deseja aquele amor que não se tem
Que por sua vez é fissurado por alguém
E no fim das contas, a moral
É que ninguém é de ninguém… quem?
A galinha da vizinha
É mais gorda do que a minha
Todo rei quer ter uma rainha
E a rainha um outro rei… rei!
Será o fim?
Ou a vida é mesmo assim?… Sim
Vivemos entre amores indecisos
Ou, de repente, não
Eu não sei
Quem sabe - até talvez?
Um amor pra cada mês…
O fulano gosta de beltrana
Que já gosta do ciclano
Fora as outras tentativas por engano
Quem vai ficar com quem no fim da história
É uma coisa que eu não sei… sei!
Vai e volta, vem que tem
Olho vivo, tudo bem
Mas no fim das contas, a moral
É que ninguém é de ninguém… Quem?
Será o fim?
Ou a vida é mesmo assim?… Sim
Vivemos entre amores indecisos
Ou, de repente, não
Eu não sei
Quem sabe - até talvez?
Um amor pra cada mês…

Composição: Erasmo Carlos / Roberto Carlos · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Mitie
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback