Água De Chuva No Mar / Minha Fé / Singelo Menestrel

Grupo Bom Gosto

exibições 40.317

A gente se fala no olhar, no olhar !
É água de chuva no mar, no mar !
Caminha pro mesmo lugar
Sem pressa sem medo de errar
É tão bonito, é tão bonito o nosso amor
A gente tem tanto querer, querer !
Faz até a terra tremer, tremer !
É luz que reluz meu viver
O sol do meu amanhecer é você

(O meu coração) O meu coração, hoje tem paz
Decepção, ficou pra trás
Eu encontrei, um grande amor
felicidade enfim chegou
Como o brilho do luar
Em sintonia com o mar
Nessa viagem de esplendor
Meu sonho se realizou

A gente se fala no olhar, no olhar !
É água de chuva no mar, no mar !
Caminha pro mesmo lugar
Sem pressa sem medo de errar
É tão bonito, é tão bonito o nosso amor
A gente tem tanto querer, querer !
Faz até a terra tremer, tremer !
É luz que reluz meu viver
O sol do meu amanhecer é você
Eu tenho um santo
Padroeiro, poderoso
Que é meu pai Ogum
Eu tenho
Tenho outro santo
Que me ampara na descida
Que é meu pai Xangô
Caô
E quem me ajuda
No meu caminhar
Nessa vida corrida
Na ida do ouro
É Oxum, é Oxum

E nas mandingas que a gente não vê
São coisas que a gente não crê
Valei-me, meu pai, atotô, Obaluaê
Obaluaê

Por isso que a vida que eu levo é beleza
Não tenho tristeza
Só vivo a cantar, cantar

Cantanto transmito alegria
E afasto qualquer nostalgia
Pra lá, sei lá

E há quem diga
Que esta minha vida
Não é vida para um ser humano viver
Podes crer

E nas mandingas que a gente não vê
São coisas que a gente não crê
Valei-me, meu pai, atotô, Obaluaê

Lalalaia lalalaia lalalalalalalalalalala
Grande festa no barraco do nêgo joão
Pandeiro, cavaco, viola
Sob a luz do lampião (grande festa.......do lampião)
De alegria dona maria chorava
Para o bebê que nascia
Aquela gente cantava
Mesmo a pouco leite, a pouco pão
Aquele bebê foi crescendo
Vencendo as barreiras desse mundo cão
Fascinado por pandeiro, cavaquinho e violão
Com suaves sinfonias no piano do patrão
Aquele neguinho que andava
Descalço na rua e ao leo
Assobiando beethoven, chopin
Porém preferindo noel
Foi assim se trasformando
Num singelo menestrel
No barraco na favela
Pra esquecer o desamor
Escrevendo à luz de vela
Mais uma canção de amor
La la la ia

0 comentários
Terra Música feedback