Liberdade

Gustavo Lins

exibições 11.644

Eu não estava bem tentando ser quem eu não sou
sem direção,
sem um amor,
no coração.

Tanta liberdade euforia de viver,
foi tudo em vão,
tanto prazer,
quanta ilusão.
Por bares e boates eu andei,
nas noites infinitas me enganei,
com tantas aventuras me envolvi,
sem viver uma história.

E nessa armadilha da paixão,
você prendeu de vez meu coração,
e fez a minha vida estremecer,
eu te amo e agora.

Só preciso essa história viver.

Meu amor,
hoje o tempo parou pra dizer,
liberdade não dá mais prazer,
do que a paz de um verdadeiro amor.

Meu amor,
eu não quero sofrer nem chorar,
você veio pra me libertar,
da prisão que é não ter um alguém,
pra se amar.

Composição: Gustavo Lins / Jerominho Fernandes · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por julinha_908
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
0 comentários
Terra Música feedback