Letras de músicas - Letras.mus.br

Eu costumo sorrir demais
E fingir que eu posso tudo
Ninguém sabe o que eu sou capaz
Pra conquistar o mundo

Eu não posso perder meu tempo
Com alguém que eu não preciso
E se agente se amar um dia
Pensa bem, o que é que eu ganho com isso

Mas quando a noite chega
E eu não tenho mais pra quem fingir
Só eu sei o que isso dói
Eu te vejo sorrir demais
E esse olhar que pode tudo
E eu nem sei se acho graça ou não

Porque eu sei, eu sei que lá no fundo
Sempre que a noite chega
E você não tem pra quem fingir
Sempre que a noite chega
Você queria tanto
Alguém igual a mim

E a gente acaba a noite sempre assim
Bebendo orgulho e solidão
Chorando em frente a televisão
Mantendo silêncio
Pra ninguém ouvir
Pra ninguém ouvir

Shh...

Esse mundo é cruel demais
Mais você é mais que o mundo
Seu dinheiro, poder e fama
Você acha que te protegem de tudo
Mas quando a noite chega
E ninguém tem mais pra quem fingir
Mas quando a noite chega
Você tem tanto medo
Você é tão igual a mim

E a gente acaba a noite sempre assim
Bebendo orgulho e solidão
Chorando em frente a televisão
Mantendo silêncio, oh

E a gente acaba a noite sempre assim
Bebendo orgulho e solidão
Chorando em frente a televisão
Mantendo silêncio, oh..
Pra ninguém ouvir
Pra ninguém ouvir
Pra ninguém ouvir
Sofrendo em silêncio pra ninguém ouvir

17.102 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais