Sul dos Mates

João Luiz Corrêa

exibições 8.640

Não leve a mal, eu vou tomar um mate
Que eu sou do sul, isso é natural
A mão na cuia já não tem idade
Eu sou do sul dos campos, serra e litoral
A mão na cuia já não tem idade
Eu sou do sul dos campos, serra e litoral

Tem desses dias que nascem cinzentos
Lembrando tudo que a tristeza tem
Encilho um mate cheio de alegria
E como vai o dia, ela vai também

Lá pelas tantas esqueço da vida
Meu corpo fica que é um ninho vazio
Que abriga triste a casca partida
De quem ganhou da vida por presente o céu

Matear solito é pra quem quer voar
Matear de mano só por querer bem
Matear com ela é pura magia
E na coreografia o beijo vai e vem
Como eu te quero bem guria

Composição: Ivan de Terra e Rodrigo Munari · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por arriola99
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música
feedback