Letras de músicas - Letras.mus.br

Foi mesmo assim, sem querer
Que em você tropecei
E que esse tombo
Me desarrumou de vez
Tudo era fácil e feliz
De forma quase infantil
E a vida seguia tão convencional
Sempre igual, sem motivação
Você apareceu para molhar o meu sertão
E mostrar que nem tudo tem previsão

Mas agora eu sei, que o acaso faz a lei
Por um triz já não sou o mesmo ser
Tudo que eu sei é que o acaso é meu rei
Foi você quem mostrou, me fez saber
Que o amor não se prevê

Dizem também por aí
Que o acaso é algo menor
Que o destino é escrito e o tempo
O sabem bem de cor
Como um roteiro a seguir
Sem dedos de improvisação
E a vida seria letra de canção
Atonal, presa no refrão
Sem ter espaços a preencher
Com corais pra fazer
O universo se surpreender

Mas agora eu sei, que o acaso faz a lei
Por um triz já não sou o mesmo ser
Tudo que eu sei é que o acaso é meu rei
Foi você quem mostrou, me fez saber
Que o amor não se prevê

Foi mesmo assim, sem querer
Que em você tropecei
E que a felicidade teve a sua vez

  • Enviar legenda
  • Cifra
  • Ouvir música
  • Fotos
  • Vídeos
  • Imprimir
  • Corrigir
  • Enviar letra para...
19.348 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais