Intimidade Entre Estranhos

Leoni

exibições 19.576

Do outro lado, tarde da noite
Eles perdem a linha outra vez
Ela jura que agora acabou
Ele sabe a bobagem que fez

Os gritos, a porta batendo
Ela quer que ele diga por quê
Não quero escutar, mas escuto
E eu sei que eles sabem que eu sei

Nada é tão lento quanto o tempo aqui dentro
Eu e eles e a nossa dor
Nada é tão denso quanto o tempo em silêncio
Eu e eles no elevador

Do outro lado e eu sei que eles sabem
Que eu andei bebendo de novo
Que eu gritei pra lua o seu nome
Que foi outra noite sem sono

Eles devem ter se assustado
Quando ouviram o vidro quebrando
E eu escondo a mão enfaixada
Quando o elevador vai chegando

Intimidade entre estranhos
Perfume e pasta de dente
E um outro cheio qualquer
Que a gente faz que não sente

Nada é tão lento quanto o tempo aqui dentro
Eu e eles e a nossa dor
Nada é tão denso quanto o tempo em silêncio
Eu e eles no elevador

0 comentários
Terra Música feedback