exibições 2.200

Tango

Foi num salão de luzes foscas e multicores
Que eu entrei para dar fim na minha fossa
Eu acabava de sofrer uma derrota
Num jogo sujo de um amor cheio de troça.

Na penumbra numa mesa bem no canto
Eu percebi que alguém chorava como eu
Aproximei, pedi licença pra sentar
Pedi algo pra tomar, mas veja o que me aconteceu.

A pessoa que estava ali sentada
Foi alguém que um dia desprezei sem piedade
Era minha primeira namorada
Que deixei daquela jeito sem lar, sem amizade.

Quando contei pra ela minha história
Ela caiu na gargalhada sem parar
Gritava e mandava pro inferno
Quero ver você sofrendo, pela rua se arrastar.

Lembro-me ai da que na vitrola tocava
Uma canção mexicana do Miguel
E a melodia simplesmente coincidia
Com este meu triste e desgraçado papel.

Composição: Jack e Waldemar de Freitas Assunção · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ministro
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback