Os Sonhos Voltaram (part. Fernanda Brum)

Ludmila Ferber

exibições 37.278

Você, aflita e arrojada
Alma cansada, desamparada
Você de espírito abatido
Que sabe o que é depressão
Que já sofreu rejeição
O Senhor te chamou
Será que você pode ouvir
Os dias da tua humilhação
Estão chegando ao fim
De agora em diante não se viverá
Daquelas migalhas que caem no chão
É hoje o começo de um novo tempo de cura e restituição

Refrão:
Os sonhos voltaram
Os sonhos voltaram. (Eu sinto)
Os sonhos voltaram. (Sobre a minha vida)
Os sonhos voltaram. (Voltaram)

Você, aflita e arrojada
Alma cansada, desamparada
Você de espírito abatido
Que sabe o que é depressão
Que já sofreu rejeição
O Senhor te chamou
Será que você pode ouvir
Os dias da tua humilhação
Estão chegando ao fim
De agora em diante não se viverá
Daquelas migalhas que caem no chão
É hoje o começo de um novo tempo de cura e restituição

Refrão:
Os sonhos voltaram.
Os sonhos voltaram. (Eu sei, eu sinto, eu sei)
Os sonhos voltaram. (Voltaram, voltaram)
Os sonhos voltaram. (Eu te digo, eu profetizo, eu sei...)
Esse é o tempo sobre a tua vida

De agora em diante não se viverá
Daquelas migalhas que caem no chão
É hoje o começo de um novo tempo de cura e restituição

Os sonhos voltaram.
Os sonhos voltaram. (Voltaram, voltaram)
Os sonhos voltaram; Os Sonhos de Deus,
(Sobre a tua vida) a capacidade de sonhar voltou
Os sonhos voltaram, os sonhos voltaram
Os sonhos voltaram, os sonhos voltaram
Os sonhos voltaram
(Volte a sorrir, volte a cantar
Porque os sonhos voltaram.)

Terra Música
feedback